quarta-feira, outubro 13, 2010

Solano Portela

Chegou o segundo turno – e agora? A Hora da Decisão na campanha presidencial 2010.

A justiça exalta as nações, mas o pecado é o opróbrio dos povos. Provérbios 14.34

Quando se multiplicam os justos, o povo se alegra, quando, porém, domina o perverso, o povo suspira. Provérbios 29.2




Contrariando as projeções das pesquisas e as expectativas da candidata Dilma Rousseff as eleições presidenciais de 2010 foram remetidas ao segundo turno, possivelmente até para surpresa do candidato José Serra, o segundo colocado.

Os analistas divergem quanto às causas principais desse resultado. Inicialmente, falou-se bastante na influência da intensa campanha movida pela Internet, por evangélicos, católicos e até espíritas, apontando as posições, do partido da líder nas pesquisas, em favor do aborto, da defesa ao casamento homossexual e da proibição a identificar o homossexualismo como o pecado que é. Essas e outras posições moralmente condenáveis integram tanto o malfadado projeto lei PLC 122/2006, quanto o execrável Plano Nacional dos Direitos Humanos, em sua terceira versão. Estes, sob o suposto manto de oposição à discriminação (atualmente, convicções religiosas estão sendo automaticamente rotuladas pejorativamente de “preconceito” ou de “discriminação”), procuram impingir formas de vidas condenáveis pela Palavra de Deus a todas as famílias brasileiras. Devemos lembrar, também, que o partido da Sra. Dilma suspendeu os direitos partidários de dois dos seus integrantes por manterem convicções contrárias a essas bandeiras defendidas pelos militantes.

Mais recentemente, a imprensa passou a apontar os casos de corrupção na Casa Civil, protagonizados pela família de Erenice Guerra, como sendo o principal fator responsável pela perda de votos da candidata Dilma, frustrando os planos de que a eleição presidencial fosse decidida no primeiro turno.

Qualquer que tenha sido o fator principal, ou, o que é mais realista, a combinação de fatores, a verdade é que ganhamos uma prorrogação na qual podemos refletir adicionalmente em nossas responsabilidades como cristãos. Aproveitando essas “horas extras”, não deveríamos esquecer que:

1. O SENHOR é que governa as nações (Sl 22.8). O Salmo 24.1-2 diz: “Ao SENHOR pertence a terra e tudo o que nela se contém, o mundo e os que nele habitam. Fundou-a ele sobre os mares e sobre as correntes a estabeleceu”. Esse governo inclui a determinação de quem governa, ou não, conforme lemos em Daniel 2.21: “... é ele quem muda o tempo e as estações, remove reis e estabelece reis; ele dá sabedoria aos sábios e entendimento aos inteligentes”. Isso significa que, contrariamente ao que ensinam alguns teólogos contemporâneos, os quais dizem que Deus não interfere nos afazeres dos homens, e até nem teria poder sobre o futuro, pois este ainda não aconteceu, a Bíblia claramente ensina que a regência soberana de Deus é uma realidade. Ela é exercida sobre os governantes e nações, independentemente do sistema de governo encontrados nelas. Para nós, neste momento, significa que qualquer que seja o resultado da eleição, este está debaixo da soberania divina; nada fugiu ao seu controle. Deus tem os seus propósitos e os cumprirá, com certeza. Nunca há lugar para orgulho excessivo, nem para desespero.

2. Pessoas recebem de Deus a delegação de governar sobre outros. A fé reformada reconhece que o governo é dádiva da graça comum de Deus. Qualquer governo é melhor do que anarquia. No pensamento reformado, o governo é uma conseqüência do pecado, fruto da benevolência de Deus (não faz parte da “lei natural”, como afirmam os católicos-romanos). Ele foi especificamente definido a Noé (Gn 9), como representante da humanidade, colocando a força na mão das autoridades, para punir os malfeitores. Detalhamento adicional, no Novo Testamento, temos em Romanos 13.1-7, onde os governantes são chamados de Ministros de Deus, para punição do mal e reconhecimento dos que praticam o bem. Essa é uma tremenda responsabilidade para quem governa, pois mostra que o poder não é absoluto nem divorciado das obrigações para com os absolutos de Deus. Fala-se muito, hoje em dia, do estado laico, como se não houvesse qualquer obrigação estatal de observar princípios universais de justiça e equidade, que procedem de Deus. Enquanto reconhecemos a separação da igreja e do estado, como esferas autônomas; devemos reconhecer, também, que ambos prestam contas a Deus. É inadmissível e é condenável o estado que promove e patrocina atos imorais e de injustiça, e os governantes devem ser relembrados disto.

3. Temos obrigações para com os governantes. A Bíblia é clara quando aponta o caminhar cristão como o de cidadãos responsáveis e respeitosos das autoridades instituídas. Atos 26.2-3 e 24-25 registram o respeito que Paulo tinha para com as autoridades governamentais, até para com aquelas que procediam injustamente para com ele (veja também 1 Pedro 2.13-15 e 18). E é ele que escreve em sua primeira carta a Timóteo (2.2) que devemos honrá-las e interceder por elas, para que tenhamos uma vida tranqüila (ou seja, para que cumpram a finalidade para a qual existem: garantir o bem-estar e segurança dos cidadãos). Obediência às autoridades é, portanto, esperada dos Cristãos e o limite dessa obediência é estabelecido pela própria Palavra de Deus (Atos 4.19-20 e 5.29). Esse limite é quando o governo procurar legislar CONTRA o que Deus nos comanda em sua palavra; quando ele procurar estabelecer que o que é “mal”, o que é “amargo” e “escuro”, é “bem”, “doce” e “luz” (Is. 5.20-21). Nesses casos, então, “importa obedecer a Deus” e não aos homens. Talvez esse seja um dos grandes testes à igreja nos anos à frente: os cristãos irão afrouxar e diluir os padrões bíblicos, mediante a pressão e a legislação governamental, ou manterão a sua identidade e lealdade à Bíblia?

4. Escolher governantes é um grande privilégio. O povo de Deus subsistiu debaixo dos mais diversos regimes: monarquia, impérios despóticos, regência militar, etc. A obrigação foi sempre de se manter fiel a Deus, e ao testemunho cristão, e respeitoso para com as autoridades, independentemente de como chegaram ao poder. No entanto, indubitavelmente, ter a capacidade de escolher os representantes, como ocorre em uma democracia representativa, é um grande privilégio. Não devemos desprezar essa bênção e essa liberdade recebida de Deus. O voto é também uma maneira de expressar convicções e de defender posições que mais se aproximem das diretrizes divinas. Se a eleição é uma metodologia instituída na Bíblia até para as questões sagradas, na igreja (Atos 6.1-5; 14.23), não há porque disputar a legitimidade dela para escolhas de líderes, na esfera governamental.

Considerando todas essas coisas, não devemos ser ingênuos e achar que a candidata Dilma é do mal, enquanto que o candidato Serra é do bem. Enquanto que as posições partidárias da Sra. Dilma estão bem explicitadas, e elas claramente contradizem o caminhar cristão; além dos seguidos casos de corrupção governamental, aos quais as autoridades têm dado importância mínima; não podemos esquecer que o Sr. Serra tem a infame honra de ser promotor da promiscuidade sexual, sob o suposto manto da prevenção do HIV, com as terríveis campanhas, quando ocupava o ministério da saúde.

De um lado, a Sra. Dilma procura convencer a todos de que suas posições com relação ao aborto mudaram e que ela, agora, é pró-vida. No entanto sua nova argumentação fala do aborto apenas como sendo “violência à mulher” – nenhuma palavra quanto aos direitos da criança, ou quanto à santidade da vida. Além disso, fala constantemente do aborto como sendo uma questão de “saúde pública”, como se fosse comparável a uma estomatite, ou cárie dentária, sem nenhuma implicação moral. Do outro lado, é possível que as recentes posições conservadoras do Sr. Serra, sobre essa questão, sejam mais estratégia eleitoral, do que fruto de convicções éticas profundas(recente pesquisa mostra que 73,5% dos brasileiros são contra o aborto). Afinal, não podemos esperar muito do antigo líder da UNE que vulgarizou o sexo livre, popularizando o “Bráulio”.

Alguém pode dizer: “não há saída – somente anulando o voto”! . Não acredito na promoção do voto nulo, pois ele deveria somente ser fruto de erro de votação e não de uma ação racional. Quem tiver fortes convicções de abstenção, resta a alternativa do voto em branco – esse , sim, é uma expressão de uma decisão consciente. No entanto, deve haver a percepção de que assim se abdica de um privilégio (mais que um direito) de pontuar uma escolha. Essa raramente será uma escolha sem qualificações, ou com a expectativa de um governante e um governo ideal, mas é sempre uma alternativa para barrar um caminho pior à nação (o que o voto em branco ou nulo não conseguirá).

No entanto, sem a ingenuidade de achar que uma eventual eleição do Sr. Serra venha a representar a resolução de todos os problemas e a restauração plena da ética ao governo, vou dar a ele o meu voto. Farei isso apesar de discordar dele em outras questões não morais, mas administrativas, como, por exemplo, sua defesa, idêntica à da oponente, de um estado gigante, paternalista e suas posições contra privatizações, ignorando o benefício dessas no Brasil e no mundo, mas considero ele o menor dos males, na conjuntura atual. Creio também que ele chegou à percepção de que os governantes não podem tripudiar impunes às questões morais universais, impressas por Deus até na consciência dos ímpios (Romanos 2.14-15) e assim trará um melhor governo ao Brasil. Creio, em adição, que as sandices verbais, que hoje são proferidas em aura de impunidade e bajulação, serão melhor controladas. Acredito que, com o Sr. Serra, teremos uma política externa mais coerente e menos aventureira do que a atual, que corteja e engrandece déspotas, assassinos e tiranos. Estarei com a esperança de que o Sr. Serra, se eleito, não apenas lembre a "voz do povo" que o elegeu, sobre essas questões de moral e ética tão importantes ao bem estar da nossa nação, mas que também a respeite, juntamente com seus ministros e equipe. Isto é plausível, pois ele não estará tão amarrado a certas aberrações de uma plataforma oficial de partido quanto está, de certo, a outra candidata.

Em paralelo, espero manter minhas convicções cristãs, independentemente de quem ganhe, suplicando que Deus me ajude a, em intercessão, poder expressar as críticas, quando pertinentes, sempre de maneira respeitosa e fiel à Palavra.
Solano Portela

Solano Portela

Postado por Solano Portela.

Sobre os autores:

Dr. Augustus Nicodemus (@augustuslopes) é atualmentepastor da Primeira Igreja Presbiteriana de Goiânia, vice-presidente do Supremo Concílio da Igreja Presbiteriana doBrasil e presidente da Junta de Educação Teológica da IPB.

O Prof. Solano Portela prega e ensina na Igreja Presbiteriana de Santo Amaro, onde tem uma classe dominical, que aborda as doutrinas contidas na Confissão de Fé de Westminster.

O Dr. Mauro Meister (@mfmeister) iniciou a plantação daIgreja Presbiteriana da Barra Funda.

126 comentários

comentários
14/10/10 01:42 delete

Se me permite, quero ser parceiro desse texto!

Abraços!

Responder
avatar
14/10/10 10:08 delete

Solano;

Permita-me a ser o primeiro a corroborar com comclusões tão lúcidas.

Rogo a nosso Senhor que continue a te abençoar com a palavra sempre boa e temperada.

ab
Fôlton

Responder
avatar
14/10/10 10:39 delete

Parabéns Pb. Solano pelas sábias palavras, também partilho da mesma opinião que o irmão.

Que Deus abençoe nossa nação.

Responder
avatar
André Geske
AUTOR
14/10/10 10:43 delete

Caro Rev. Nicodemus

Parabéns pelo texto. Excelente explanação. O que eu fico feliz é que o senhor como pastor da Igreja posicionou-se fundamentando suas colocações e isso, certamente, ajudará aqueles cristãos que estão indecisos ou até mesmo dando seu voto a pessoas que não possuem nenhum escrúpulo religioso e que, na hora da eleição, torna-se qualquer coisa para angariar votos. Tenho visto alguns raros pastores que tem feito como o senhor fez aqui se posicionando, no entanto não seria interessante um posicionamento oficial da Igreja como denominação nacional fazer um pronunciamento como este? Nós como herdeiros da Reforma Protestante não deveríamos nos envover mais com questões políticas a fim de se buscar um Estado mais justo segundo a Palavra de Deus? Será que como Presbiterianos de hoje em dia temos sido displicentes com estas questões? Perdoa-me caso eu esteja enganado, mas parece que não há um pronunciamento oficial da Igreja quanto a isso, se há eu não sei. Corrija-me se eu estiver enganado.
Mas, parece que há uma certa apatia da parte dos cristãos quanto a assuntos como política. São assuntos tidos como pertencentes a este mundo intrinsecamente e dessa maneira fora de nossos interesses transcendentais da eternidade. O senhor acha que existe isso mesmo? Não falo somente de política, mas de outras áreas da vida como economia, pesquisas científicas, artes, etc.
Novamente gostaria de parabenizá-lo pelo excelente texto muito esclarecedor. Faço coro com o senhor em defender o Serra como a opção menos ruim que temos hoje.

Que Deus nos ajude nestas eleições.

Em Cristo,

André Geske

Responder
avatar
14/10/10 11:23 delete

Embora eu seja de esquerda, assistam este vídeo:

http://www.youtube.com/watch?v=FJ7kFXeII44&feature=player_embedded

Responder
avatar
Lindemberg
AUTOR
14/10/10 12:06 delete

Palavra coerente. sincera e sem demonização. Parabéns pela sobriedade. prometo pensar seriamente e pedir orientação a Deus. Não prometo mudar o meu voto, mas prometo pensar seriamente a partir deste texto muito bem escrito. Assim como prometo avaliar as decisões de pessoas como Marilena Chaui, Dr. Silvério da UFMG, acho que eles deveriam ser ouvidos e nós pesarmos bem para tomarmos a melhor decisão. de qualquer forma, Parabéns pela sobriedade com que tratou este assunto.

Responder
avatar
14/10/10 12:39 delete

Excelente, Presb. Solano.

O que fico impressionado é o assédio de alguns setores evangélicos e pastores que não têm essa sensibilidade e estão apoiando a Dilma. Simplesmente pela palavra dela de agora não propor o aborto. Ela não propõe, mas o partido vai propor e ela eleita será mais fortalecido.

Mesma coisa para a união civil homossexual.

Responder
avatar
MAC
AUTOR
14/10/10 14:08 delete

Graça e paz Pb. Solano.

O que o sr. acha de um governo teocrático como proposto pelo pessoal do PRTC? http://www.partido-republicano-teocrata-cristao.blogspot.com/
Embora eu simpatize com a idéia, a vezes paro pra refletir e me parece utopia.
De qualquer forma, seria essa uma saída?

Em Cristo, Mac.

Responder
avatar
Cleber
AUTOR
14/10/10 14:59 delete

Caro Solano

O Estado de São Paulo (jornal) assumiu a postura honesta de escolher Jose Serra dentre candidatos, mesmo quando tudo indicava uma derrota iminente. Não se trata de escolher "dos males o menor", mas de preservamos pelo menos o que temos, ainda que incipiente: democracia representativa, liberdade de imprensa e religiosa, livre mercado e etc. O
No livro O Caminho da Servidão, de F Hayek, que é considerado o pai do neo liberalismo economico, que esta disponível no site monergismo.com, no capítulo 10, que tem como título "Porque os Piores Chegam ao Poder", Hayek, com aguçada inteligencia mostra como os "melhores" acabam alienados e alijados do poder basicamente por escrupulos e timidez.

PS: Graça a Deus que temos algumas Igrejas Evangelicas que não têm dono, que decidem por nós e tentam vincular a nossa consciencia a troca de interesses quaisquer.

Cleber Leite/Teresina

Responder
avatar
14/10/10 15:03 delete

Rev. Nicodemus,

Eu concordo com o seu texto, mas, como tenho dito com relação à proposta do Partido Cristão (PRTC), creio que não haverá um governo perfeito em um mundo caído e completamente atingido pelo pecado. Nessa perspectiva, teremos de fato o "menos pior".
Voto no Serra por conhecer a sua história e considerá-lo íntegro (embora não a toda prova). Voto ainda pela razão citada no texto: a escolha da diplomacia petista pelos tiranos e déspotas, a exemplo do Ahmadinejad, irmãos Castro, Evo Morales, Hugo Chávez e tantos outros ditadores deste continente e da África. Voto no Serra porque ainda prefiro o PSDB ao PT - que considera o Estado brasileiro como quintal, aparelhando-o em todos os níveis de poder.
"Nunca na história deste país houve tanta corrupção em um governo, como neste do PT".

Ricardo.

Responder
avatar
kimberlley
AUTOR
14/10/10 16:40 delete

Se o autor do post acha mesmo que os programas sociais do governo sejam paternalismo e que as privatizações beneficiam o Brasil e o mundo. Ele tem toda razão em vota no Serra. E nem precisa ficar descontente pelas suas posições do estado “paternalista” e contra privatizações, pois é possível que estas posições sejam, também, mais uma estratégia eleitoral.

Responder
avatar
14/10/10 17:46 delete

Solano,

Queira aceitar as minhas desculpas por ter dirigido o comentário ao Rev. Nicodemus, comentando texto de sua lavra - aliás, muito bom!

Abraços.

Ricardo.

Responder
avatar
Lilian
AUTOR
14/10/10 18:56 delete

Solano,

Em época de eleições, quando somos bombardeados com diferentes versões e posicionamentos dúbios, um texto como o seu, imparcial e a luz das Escrituras, é coisa rara. Agradeço por sua contribuição.
Infelizmente, tenho visto líderes religiosos darem mal exemplo. Eles comprometem o nome de suas denominações, ou até mesmo a reputação da fé que defendem, ao declararem apoio a candidatos nada confiáveis. Li em recente reportagem no portal G1 uma declaração do Rev. Guilhermino Cunha em apoio a Dilma. A reportagem citava Cunha como sendo o presidente da IPB, enviei algumas mensagens a redação e eles corrigiram o erro.
Acho que uma igreja ou denominação não deve associar o seu nome a pessoas não-cristãs, que não defendem o Evangelho. Por melhor que sejam as intenções, isso pode custar caro.

Responder
avatar
14/10/10 23:54 delete

Presb.
Votei nulo, no 1° turno.Mas concordo com o sr. quanto à escolha
de Serra, ele não é o melhor, mas o outro lado é bem pior. Acredito que ele vai pensar "duas vezes" antes de assinar alguma coisa,ele
não é "besta" de se queimar.
Como sempre muito lúcido, simples e objetivo, o post. Estava esperando alguma coisa de vcs., e não me decepcionaram. (Entendí agora o voto em branco rsrsrs).
Deus os abençoe.
Tânia

Responder
avatar
odranoeljrs
AUTOR
15/10/10 02:06 delete

Caro Solano,

Quero felicitá-lo pela ousadia em manifestar seu voto, embasando-o com sobriedade à luz das Escrituras.
Todavia, faço algumas consideraçóes:

Serra adota o discurso de manter o assistencialismo do Bolsa Família porque não pode agir de outra forma. Estudos já comprovam que o Bolsa Família fomentou a economia do país e foi agente de inclusão. Outras políticas do atual governo também incentivaram a que muitos pudessem usufruir da matéria que lhes cercava, mas que dantes era vista apenas por sonho. O governo atual promoveu a movimentação na estratificação social. Serra não tem como negar ou propor algo diferente. É carona.
Também duvido que ele pense num Estado paternalista, pois foi decisivo no processo de venda das estatais, quando na época de FHC. Quanto a isso, sei de vista e de perto que houve a depredação do patrimônio público, subvalorizando empresas que, em verdade, precisavam somente de uma gestão organizada. Foi desse processo obscuro que nasceram as gritas de hoje pelo péssimo serviço oferecido pelas teles e pelas fornecedoras de energia. Petrobras sofreu agruras naquela época, mas manteve-se estatal (de capital misto, diga-se) graças ao denodo dos petroleiros - e olha onde ela chegou: responsável sozinha por mais de 10% do PIB nacional e, indiretamente, por mais de 1/4.
Serra assumindo, não há garantias que ele não dará retorno ao processo privatista nem que fará valer a capitalização da Petrobras, processo extremamente necessário aos investimentos para exploração do pre-sal, riqueza tamanha e de dimensão alvissareira.

Pensando em política externa: graças, também, à diversificação de parceiros estrangeiros o país se desvinculou da dependência de bonas ares estadunidenses - e isso foi relevante.
A mesma mídia que critica a proximaçao com o Irã, não dá mínima para o fato de a Arábia Saudita, muito mais intolerante e opressora e tolhedora de direitos, andar pareada com os interesses comerciais estadunidenses. E o que dizer da China? Serra, ao discursar que o país não manterá laços com países como o Irã, terá que ser coerente e cessar laços com a China também. Ele fará isso?
Duvido.
Outrossim, no afã de cultivar votos, Serra promoteu salário mínimo de 600 reais, um completo absurdo pelo impacto de cascata nas contas do empresariado. Também prometeu ganho estupendo para as aposentadorias logo no primeiro ano - algo que é impraticável face às limitações previdenciárias.

Então, eu classifico, pelo pouco que entendo de contas, tais propostas como mentirosas e oportunistas.
Não teria como votar nele.

Também não voto em Dilma, por razões que passam pelo que o senhor apresentou e outras considerações que não tenho porque manifestá-las aqui.

É isso.

Feliz cada novo dia....

Leonardo Ribeiro - Fortaleza do meu Ceará.

Responder
avatar
Raimundo
AUTOR
15/10/10 11:14 delete

Parabéns pelo artigo; de fato, deve-se fugir desse maniqueísmo simplista. Embora nenhum dos dois candidatos satisfaçam as minhas expectativas de um político segundo as diretrizes cristãs; opto pelo voto utilitátio; deverei votar em Serra, 45, por acreditar que o cenário político com ele no comando será um pouco melhor do que com a candidata do PT.

Responder
avatar
Rafael
AUTOR
15/10/10 12:16 delete

Gostaria que Rev. comentasse sobre o Serra ser a favor do casamento entre homosexuais e adoção dos mesmo, conforme vemos em declaração do mesmo no vídeo http://www.youtube.com/watch?v=r36JbySmIn0&feature=related

Responder
avatar
Jairo Filho
AUTOR
15/10/10 13:09 delete

Li, no livro "Culto Espiritual" do Augustus Nicodemus, que não pode haver ordenação feminina ao ministério pastoral, porque a mulher não foi criada para ser líder do homem.

Sendo assim, para ser coerente, a IPB não deveria votar na Dilma. Né?

Ou estou enganado?

Em Cristo,

Jairo Filho

www.blogdojairofilho.blogspot.com

Responder
avatar
leo
AUTOR
15/10/10 13:57 delete

Irmão, Solano!

Me alegrei muito em ler seu post! Me esclareceu bem sobre em quem devo votar.

Envie o seu post para vários amigos.

Abraços!

José Leonardo Santos

Responder
avatar
Danilo Neves
AUTOR
15/10/10 14:46 delete Este comentário foi removido por um administrador do blog.
avatar
Danilo Neves
AUTOR
15/10/10 14:48 delete

"Talvez esse seja um dos grandes testes à igreja nos anos à frente: os cristãos irão afrouxar e diluir os padrões bíblicos, mediante a pressão e a legislação governamental, ou manterão a sua identidade e lealdade à Bíblia?"

Solano,"diluir os padrões bíblicos" já é a prática no evangelicalismo brasileiro. Me refiro a massa evangélica, que não é pro-evangelho em questões pro-vida e pro-família. Já fomos testados intra-muros e em coisas menores, e não passamos. Com minha escatologia e olhando para a nossa cultura que se desenvolve a passos largos para um deísmo-ateísmo nessa geração, fico a considerar ou refletir se o SENHOR vai abandonar ou se Ele já abandonou essa nação idólatra e afastada das Escrituras. Há mais evidências para pensarmos em apostasia e ira-bondade de Deus, do que em avivamento e bondade-ira de Deus. Que o SENHOR purifique a Sua Igreja!

Responder
avatar
Danilo Neves
AUTOR
15/10/10 14:50 delete

Li no twitter:

"Muitos acham q s a Dilma n ser eleita,o clima anti-cristão passará.Tolice ingênua!Ela em si n é problema.A IGREJA está "dilmanizada" e serrada!"

rsrs

Responder
avatar
V8
AUTOR
15/10/10 14:53 delete

Que vergonha, um líder religioso influenciando no voto da igreja. Isso não é crime? Se não for, deveria ser...

Responder
avatar
Mack Dig&Tel
AUTOR
15/10/10 15:26 delete

Meu voto era para a Dilma/PT.

Após ler o texto e perceber o compromisso de tão influentes personalidades da nossa igreja com o candidato Serra e, também, tão lúcida explanação bíblica que sustenta tal decisão (de "não votar na Dilma"), declaro:

Mudei o meu voto: Vou votar no Serra. (Será mais fácil cobrar dos líderes da minha igreja tal comprometimento, que do Serra se eleito for. Meus líderes são compromissados com a causa de Cristo, Serra não. Meus líderes são orientados por Deus, Serra não).

Atenciosamente grato,

Amaury Carvalho

Responder
avatar
Robson
AUTOR
15/10/10 15:49 delete

Rev. Solano Portela disse:

Se a eleição é uma metodologia instituída na Bíblia até para as questões sagradas, na igreja (Atos 6.1-5; 14.23), não há porque disputar a legitimidade dela para escolhas de líderes, na esfera governamental.

É um absurdo dizer isso! Quer dizer que se Deus instituiu uma metodologia para as questões eclesiais, essa DEVE ser copiada para os líderes seculares?????

É PERFEITAMENTE possível questionar a legitimidade do voto. Questionar a legitimidade da democracia.

Democracia é simplesmente DITADURA DA MAIORIA. É a melhor definição. O Rev. Solano Portela está tão acostumado ao nosso mundo dividido em Estados soberanos, nacionalistas, que acham que o governo é a solução de qualquer problema social, e idólatras desse deus chamado democracia (e que tem a mentalidade binária ao ponto de achar que qualquer não-democracia só pode ser ditadura) que parece que a qualquer momento ele iria dizer que "a voz do povo é a voz de Deus".

Democracia serve apenas para eleger aquele que concede mais favores para a maior parte do povo. Só um governo que distribui favores tem condições de se perpetuar em uma democracia. Deus não instituiu autoridades para mimar a população, como Dilma e Serra pretendem fazer.

Vejam Rm 13 e entendam qual é a única função das autoridades, delegadas por Deus: promover punição aos maus e louvor aos bons. E o verso 6 complementa: "é para ISSO [a promoção da justiça] que pagais tributos". O governo não foi instituído para redistribuir riqueza, para dar casa, saúde e educação de graça.

Vamos parar de idolatrar esse "deus" chamado democracia.

Responder
avatar
V8
AUTOR
15/10/10 16:17 delete

Serra e o aborto - jornal mensageiro da paz
Do jornal Mensageiro da Paz, setembro de 2010. (jornal oficial das ass. de Deus no Brasil)


Historicamente, Serra sempre se posicionou contra o aborto no Brasil. [...] Pesa contra ele, apenas um episódio de 1998, quando congressistas pró-aborto pressionaram o então ministro da Saúde José Serra para que editasse uma Norma Técnica dispondo sobre a excepcionalidade da prática de abortos no SUS, do governo federal, em caso de crianças com ATÉ 20 SEMANAS (CINCO MESES) concebidas em caso de estupro. Como a Legislação Brasileira permite o aborto em caso de estupro (artigo 128 do código penal), Serra CEDEU E EDITOU a tal Norma, que fez com que o SUS PRATICASSE PELA PRIMEIRA VEZ ABORTOS.

Então, queridos e amados irmãos no sangue de Jesus Cristo.

A pessoa que vocês apóiam regulamentou o aborto em caso de estupro, no SUS. OU seja, com NOSSO SUADO DINHEIRO, os médicos podem cometer o crime que vocês tanto repudiam.


E então? Serra ou Dilma na questão do Aborto? São iguals??? Ela já liberou o aborto em algum lugar?

A paz de Cristo. Acho que aqui finda a minha missão de mostrar que Serra não é quem vocês acham que é.

Responder
avatar
15/10/10 20:00 delete

Rev. Solano

"Farei isso apesar de discordar dele em outras questões não morais, mas administrativas"

Desculpe-me, o senhor pode votar no Serra, agora dizer que em questão moral existe alguma diferença entre eles não dá. Procure se informar melhor sobre as opiniões do Serra.
Quanto ao PLC 122 também deve se informar melhor, ele não o proíbe de identificar o homossexualismo como pecado, só proíbe que os homossexuais sejam descriminados e humilhados, e afinal de contas o que Jesus fazia com os pecadores? Atirava pedra? Ou os protegia?
O aborto é outra questão polemica que deve ser discutida, pois é hipocrisia dizer que não existe só por que não e legalizado. Então se existe por que não tratá-lo da maneira correta? Legalizando, informando e orientando as mulheres que forem procurá-lo, talvez não possamos diminuir a quantidade de abortos que são feitas hoje, mesmo não sendo legalizado?
E como existem pessoas contra e a favor dessas questões dentro de cada partido e Serra e Dilma também ambos tem questões morais duvidosas, então defenda seu voto, mas não seja injusto, utilize argumentos mais convincentes.

Gustavo

Responder
avatar
Euclides
AUTOR
15/10/10 21:18 delete

Chutando a história da Reforma,separação entre Igreja e Estado, para o lixo, como todo doente, maluco e idota fascista. Me decepciona mais ainda que seja um que se diz presbiteriano, pois verdadeiro defensor dessa doutrina você não é, pois usa argumentos bíbilicos, para justificar um ímpio a quem lhe interessa justificar e condenar o outro iímpio a quem deseja condenar, usando, para isso, da mentira e da trapaça que sempre foi própria dos fariseus. Acrescento que, na qualidade de filiado ao PT, Carteira de Filiado 0607053, Registro 11857321236, CPF: 072.657.274-87, Nome: Euclides Rodrigues de Moraes, cuja candidata do partido foi atacada sem direito a defesa e dentro da Legislação Pertinente, a publicação desse meu post, sob pena de denunciá-lo aos Órgãos competentes para as providências devidas. Religiosos cuidam de religião e políticos de política, se desejam atuar no outro campo abandonem um deles, para poderem emitir suas opiniões, nos campos devidos sem intervenção no outro.

Responder
avatar
Sandro
AUTOR
15/10/10 22:28 delete

Uai, Euclides, não entendi você: Se religiosos cuidam apenas de religião, por que a Dilma e o PT foram buscar o apoio de lideranças evangélicas e se reuniram com elas? Por que o Crivella e outros estão por aí divulgando, no meio religioso, a candidata do seu partido? Então eles podem e o Solano, por divergir de vocês, não? Essa é a democracia petista?

Artistas, filósofos, médicos, professores, todos podem falar de política e um religioso não? Ele deixou, em algum momento, de ser cidadão?

Lembrando que, para a denominação dele, o Solano é leigo (se é que existe tal coisa).

Responder
avatar
15/10/10 23:05 delete

Caro Solano,
Alguns entraram em você "solano"! (desculpa o trocadilho rsrs). Mas, imagino que o sr. sabia o que estava fazendo, lidando com pessoas que são partidárias.
Pelas mesmas razões suas, voto no Serra, apesar de saber que ele não defenderá os princípios bíblicos da vida e da família e da igreja e de nós pastores.
Que Deus ajude esta nação.
Abraço!

Responder
avatar
16/10/10 00:03 delete

Caro pastor Geremias:
Grato pela honra da visita e pela parceria que aceito com prazer!

Caro Rev. Fôlton:
Quase foi o primeiro! Obrigado pelas palavras amáveis e de estímulo. Que Deus nos dê discernimento a todos, em um mundo de características difusas.

Caros Erikson e Lindemberg:
Obrigado pelos comentários e entendimento do que foi aqui exposto.

Caro André:
Mal entendido desfeito (o texto não é do Nicodemus - sairia bem melhor do que este), suas ponderações são pertinentes, mas acho que é melhor o posicionamento individual, como didadãos que somos (ainda que peregrinos), do que monolítico oficial de uma denominação - que pode constranger consciências (e isso não é característica da igreja protestante)

Abs

Solano

Responder
avatar
16/10/10 00:06 delete

Caro pós-darwinista (;>):
Se pelo menos alguns de de "esquerda" forem como você, ainda há esperança...
Solano

Responder
avatar
16/10/10 00:22 delete

Caro Francisco Mário:
Como você bem aponta - devemos evitar a credulidade ingênua, em qualquer caso.

Caro Cleber:
Ainda mantenho que é uma escolha entre "o menor dos males", antes ou depois do primeiro turno. O bem lembrado Hayek tem "insights" geniais, lembrando que a defesa dele não era pela democracia, mas pela demarquia. Nesse sistema, admite-se o voto como um sistema de escolha de governantes, mas não para definir e decidir a regência da lei (rule of law). Esta é estabelecida em princípios universais e não fica mudando com a vontade da maioria, mas serve de estrutura e espinha dorsal ao governo. Por isso ele faz diferença entre demarquia e democracia. Há muita matéria para boa discussão em seus escritos.

Solano

Responder
avatar
16/10/10 00:30 delete

Caros Mac e Ricardo Mamede:

Fiquei lisongeado quando me confundiram com o Augustus...

Quanto ao PRTC, já expressei minha opinião em respostas aos comentários ao meu post: "As eleições e os políticos", de 06.09.2010 (minhas observações estão postadas em 08.09.2010, 12h32m).

Kimberlley:
Você duvida que somos testemunhas de um paternalismo insano, em nossa pátria?

Solano

-- amanhã vou tentar responder mais, especialmente aos ataques gratuitos de alguns.

Responder
avatar
Euclides
AUTOR
16/10/10 00:32 delete

Sandro, Foi aí é que o bicho pegou, não foram os políticos que vieram em busca das igrejas, evangélicas e católicas, elas é que foram se imiscuir na pólitica e de uma forma indigna, quando satanizaram um candidato e um partido em detrimento dos demais, tanto que hoje a eleição deixou de ser uma discussão política, entre quem tem o melhor projeto para o País, para se discutir questões de mero cunho religioso e haja carta para cá e "santinho" de candidato para lá com adpatação de frase bíblica. Agora, me responda? O Serra não é um cretino, mentiroso, quando distribui um santinho como esse que distribuiu hoje, sem nunca ter sido ligado a religião? Qual o mais honesto dos dois, se ele é capaz de mentir de uma forma tão descarada para convencer eleitores religiosos o que não é capaz de fazer, então se não podemos votar na Dilma por não ter o caracter de Deus, no Serra então pior ainda. Agora, queremos mesmo nos mostrarmos diferentes, conclamemos a todos que não participemos da votação, já que nenhum deles merece o nosso voto, considerando os parâmetros que estamos requerendo ai sim contam comigo, estou nessa. Quanto a esse momento, eu já vi isso, acontecer, pelos idos de 64, justamente, no mesmo local São Paulo, a velha Marcha com Deus pela Liberdade, que se espalhou pelos principais estados do Sudeste e acabou dando no que deu. Além disso é inadimissível e incocebível, que os "cristãos" evangélicos e católicos, queiram impor, ao restante do povo, que cultuam ou não cultuam os mais diversos deuses, a nossa fé isso é intolerência religiosa, coisa que nunca tivemos no Brasil, duvido que após essa campanha as sequelas não venham a tona e terminemos muito mal com essa boboseira que criamos e nós protestantes, seremos responsáveis pelo que ocorrer e de nós será cobrado, pois, em virtude de um pensamento, político fascista, nos arvoramos dos senhores da vontade do povo. Somos os novos aiatolás.

Responder
avatar
Euclides
AUTOR
16/10/10 00:48 delete

Caro Solano Portela, Nem pré, nem presente e nem pós-darwinista, sou criacionista, convicto e inabalável a Bíblia me mostrou de forma inquestionável essa posição, quem quiser crer de forma diferente que o faça é livre para tal. Quanto a questão de esquerda, hoje em dia, Solano, desde 1989, que ela perdeu todo o sentido de existir, pois a prática mostrou a impossibilidade dessa política, o que existe hoje se se pode chamar de pensamento de esquerda é uma busca da justiça social, um estado do bem estar como o pregado pela social democracia européia. A maioria das pessoas que são rotuladas, hoje de esquerda, não estão, politicamente bem definidas, ainda buscam um posicionamento. Contudo, como te afirmo entre uma política capitalista, com característica neoliberal, que prega "que os mais fortes sobrevivam" como a que os Governos do PSDB defendem e política social democrática do PT, fico com a segunda, pois, vislumbro, nela, um fimbria do mandamento de Cristo, "...amai ao próximo como a ti mesmo" ou então "..tive fome e me deste de comer, tive sede e..." ou mesmo como ensinado em Isaías, "Por acaso foi esse o jejun que pedi...ou que vejas o nu o cubras... Embora, não me custe, nem me foge dos olhos reconhecer, que, através da ação do homem esse objetivo, nunca será alcançado.

Responder
avatar
Sandro
AUTOR
16/10/10 07:37 delete

Euclídes, eu compreendi seu argumento, mas o meu ponto não é este. Na minha opinião, TODOS os cidadãos, religiosos ou não-religiosos, tem direito a manifestar-se sobre política, que é o trato da coisa pública, portanto, pertinente a todos.

Eu nem questiono o fato de certas "igrejas" procurarem os partidos políticos, mas que os partidos gostam e os acolhem de braços abertos, é inegável.

Responder
avatar
MAC
AUTOR
16/10/10 09:44 delete

Caro Solano,

Só o Ricardo lhe confundiu com o Augustus... eu não. :-)

Abraço.

Responder
avatar
16/10/10 10:01 delete

Quanta clareza! Pb, divulguei seu texto e postei no meu blog.

Responder
avatar
kimberlley
AUTOR
16/10/10 12:31 delete

Talvez seja importante lembrar que a candidata Dilma, ainda que por motivos eleitoreiros, assinou compromisso com os cristãos de defender a manutenção da legislação atual sobre o aborto e a livre expressão religiosa.
Jose Serra defende a união civil entre pessoas do mesmo sexo e a adoção de crianças por casais homossexuais.

Responder
avatar
Ailsom
AUTOR
16/10/10 13:04 delete

Vou votar nulo e estou incentivando outras pessoas a votarem também. Se não fosse obrigatório votar não votaria e isso não seria pecado.

Os dois candidatos são iguais, tanto nas poucas qualidades, mas principalmente nos piores defeitos. Nos defeitos pessoais e nos defeitos de suas coligações.

Esta é uma eleição de mentiras. Os dois agora são "cristãos" desde pequeninhos, e alguns crentes que sempre querem levar vantagem em tudo estão aproveitando o leilão. É tudo lamentável.

Por isso voto nulo.

Responder
avatar
16/10/10 17:52 delete

Parabéns pelo texto, pois "ainda temos" o direito constitucional de liberdade de expressão e consciência. Mesmo que outros possam discordar, este blog tem o direito de se expressar, pois somos livres no pensamento, na consciência e na fé.

Responder
avatar
Norma
AUTOR
16/10/10 17:58 delete

Olá, Solano!

Seu texto coincide perfeitamente com o que penso! Linkei-o no meu novo post sobre as eleições - tendo como mote o tal "Manifesto Evangélico" que circula na net.

Abraços!

Responder
avatar
17/10/10 05:46 delete

Euclides disse: "...fico com a segunda, pois, vislumbro, nela, um fimbria do mandamento de Cristo, "...amai ao próximo como a ti mesmo" ou então "..tive fome e me deste de comer, tive sede e..." ou mesmo como ensinado em Isaías, "Por acaso foi esse o jejun que pedi...ou que vejas o nu o cubras..."

Ok, vamos ver o que a Bíblia também diz a respeito das práticas do PT com o MST:
Miquéias 2 - "1 AI daqueles que nas suas camas intentam a iniqüidade, e maquinam o mal; à luz da alva o praticam, porque está no poder da sua mão! 2 E cobiçam campos, e roubam-nos, cobiçam casas, e arrebatam-nas; assim fazem violência a um homem e à sua casa, a uma pessoa e à sua herança. 3 Portanto, assim diz o SENHOR: Eis que projeto um mal contra esta família, do qual não tirareis os vossos pescoços, e não andareis tão altivos, porque o tempo será mau".

E que tal os documentos que comprovam a ligação PT-FARC, cujas drogas entram no país livremente e matam - sim, matam! - jovens e adultos com sua aprovação de filiado ao PT?

http://web.archive.org/web/20070310215800/www.farcep.org/?node=2,2513,1

As FARC agradecem o apoio do Brasil, que o PT pensa ser somente seu.
Este é o arquivo da WEB, o qual não pode ser modificado nem apagado. O que esteve e está na rede é arquivado ali.
A mulher de Olivério Medina é empregada do governo e recebe dos nossos impostos. Olivério Medina é membro atuante das FARC e tão narcoterrorista quanto qualquer outro. O PT é o fundador do Foro de São Paulo, que a mídia fez questão de esconder por mais de 16 anos, e os petistas aplaudiram. Ele é a Internacional Comunista da América do Sul e tem proporcionado as maiores atrocidades ao longo desse tempo com a ajuda do PT, partido ao qual você pertence. Você ao menos sabe o que o comunismo fez no mundo? Por acaso mudaram alguma coisa? Sim, mudaram para pior onde passaram. (cont)

Responder
avatar
17/10/10 05:50 delete

(continuação)

Ademais, sua ameaça de processar quem não publicar seus comentários aqui é uma falácia sem tamanho. Forneça-nos a lei que o autoriza a dizer isso, por favor. O proprietário do site não é, de forma alguma, obrigado a isso nem pela lei eleitoral. Tente publicar no meu e será sumariamente apagado. Processe-me depois e terei o maior prazer em derrotá-lo em qualquer tribunal com documentos que boa parte do Brasil ainda não conhece, nem você.
Está aqui o link:
http://vamospalavrear.blogspot.com
E este, no qual critico a mancomunada mídia esquerdista:
http://pensandonacoisa.wordpress.com

Faça-o! Aguardarei seu processo.

Por quê o site do PT não publica comentários dos conservadores? Essa é a noção de justiça que você tem. Pau que dá em Chico dá em Francisco.
Você defende a ideologia que já ceifou mais de 250 milhões de vidas inocentes ao longo dos últimos 2 séculos. Não venha posar de bonzinho agora, pois quem nada faz contra o mal é cúmplice dele. Ou você não conhece a Palavra de Deus? Não se pode amar o bem sem odiar o mal.

"Nenhum servo pode servir dois senhores; porque, ou há de odiar um e amar o outro, ou se há de chegar a um e desprezar o outro. Não podeis servir a Deus e a Mamom."(Lc.16:13)
Não venha com a retórica furada de que Cristo falava de riquezas apenas! Quer mais?
"O amor seja não fingido.Aborrecei o mal e apegai-vos ao bem."(Rm.12:9)

Amor de socialista é a coisa mais fingida que o mundo conhece há séculos. Como dizia Dostoiévisk: "Pior que o comunista é o comunista cristão. Esse é mais perigoso!" - Os irmãos Karamazov. (cont.2)

Responder
avatar
17/10/10 05:54 delete

(continuação.2)
Você diz: "Religiosos cuidam de religião e políticos de política, se desejam atuar no outro campo abandonem um deles, para poderem emitir suas opiniões, nos campos devidos sem intervenção no outro."
Explique como alguém pode separar sua vida em compartimentos tão estanques? Porventura, porque sou cristão, não posso influenciar nos destinos do meu país? Sua religião não interfere em suas decisões de vida? Se não, você é que está no lugar errado. Vá nas reuniões do PT e cultue o deus estado por lá.

Você diz em outro comentário: Quanto a esse momento, eu já vi isso, acontecer, pelos idos de 64, justamente, no mesmo local São Paulo, a velha Marcha com Deus pela Liberdade, que se espalhou pelos principais estados do Sudeste e acabou dando no que deu.

Mentira!

Essa é a história que o PT conta para enganar. Eu vivi aquela época!
Estude a respeito da mentalidade revolucionária e você entenderá o que essa patologia faz na mente de quem a tem. Sejamos, no mínimo, honestos. A verdade é que a inteligência militar captou mensagens sobre contrabando de armas que entravam no país para a revolução comunista em curso desde 1961, financiada pela URSS e Cuba. Ao saírem dos quartéis do RJ em direção a MG, depararam-se com o comboio que vinha carregando o armamento para os mesmos que hoje estão no poder, a saber, Dilma, Genoino, Dirceu (até hoje agente da inteligência cubana), Franklin Martins, et caterva. Os comunistas estavam prontos para iniciar a revolução armada, que hoje foi substituída pela frouxidão das leis para criminosos, que surte o mesmo efeito na sociedade tornando-a acuada e dócil. Foi alí que tudo começou. Decidiram, então, tomar o poder que flertava com Fidel, o genocida que faz hora extra na terra, para evitar aqui o que acontecia na URSS e em Cuba. É com essa gente que o PT - e você - se alia. Graças aos nossos bravos militares pudemos viver sem essa porcaria chamada socialismo, que hoje infesta nosso país como moscas (Baalzebube, sim!).

Sim, Dilma é tão criminosa quanto qualquer outro esquerdista que ainda defende os mesmos ideais genocidas marxistas, e ninguém pode provar o contrário: ela mesma confessou no Congresso. Você age da forma que Lênin ensinou: "Acuse-os do que você faz; xingue-os do que você é".
Um indivíduo só pode ser entendido como ex-alguma coisa depois que parou de praticar o que fazia e passou a combater o que defendia antes. Sem isso, qualquer outra ação é mera retórica sofística. Não se entra em consenso com o maligno! E nunca se esqueça de que existem pessoas com capacidade de buscar a verdade e interpretar a realidade como ela é, e não como a esquerda quer que seja.

Qualquer coisa que diga: "Vamos construir um mundo melhor" com a concentração de poder para tanto, é mentalidade revolucionária. Não seja morno, você deve saber onde vai dar. Pelo menos, deveria saber. Sai dela, povo meu!
FIM

Responder
avatar
17/10/10 06:04 delete Este comentário foi removido pelo autor.
avatar
17/10/10 06:11 delete

Caro Solano, seu texto é coerente e expressa a razão pela qual devemos fazer algo. Concordo que Serra não é o melhor candidato segundo a fé cristã, mas é o único para o momento.
Sim, Deus está no comando de tudo e nada passará despercebido. No entanto, quando a apostasia se instala, juízos são enviados pelo Senhor.
Abraão conversou com Deus até que ouviu: "Se houverem dez justos, eu não destruirei".
Quando a apostasia se instalar de vez, apenas Filadélfia será preservada dos juízos. Portanto, cabe a nós continuar na pregação da Verdade com todo o prejuízo que daí possa advir. Se nos calarmos, as pedras clamarão!

Abraços fraternos

Responder
avatar
17/10/10 10:47 delete

Muito interessante o texto, principalmente porque hoje em dia, muitos "cristãos" pensam que por causa de um candidato ou outro, os planos de Deus não irão se cumprir. Com sua permissão, vou postar o texto no Blog da minha igreja, a qual, entre outras coisas, precisa conhecer muito sobre REFORMA.
Em tempo: Tenho aprendido muito sobre reforma e tenho aberto meus olhos pra muitas coisas através de algumas mensagens de Solano e de Augustus, entre outros, acho q se não fosse a internet muitos de nós ainda viveríamos sem conhecer de uma forma mais completa a Palavra, pois, em 99% das "igrejas" só se pregam heresias.

Responder
avatar
Euclides
AUTOR
17/10/10 17:09 delete

Consertando o Fusca, Você me parece ser paulista, pois tem muita rapidez em chamar os outros de mentirosos, o que parece ser uma características dos teus conterrâneos. Eu sou nordestino e aqui não se usa essa vocabulo impunemente é considerado insulto a ponto de muitos se matarem por causa dessa "simples" palavra, para nós, você me chamou de ladrão, pois somos criados, sendo incutido todos os dias, pelos nossos pais, esse conceito "quem mente rouba", por isso lhe aconselho nunca proferir essa acusação a um de nossa região estando próximo a ele, pois o que vai acontecer daí em diante só Deus sabe. Quando digo que vivi e vi é porque eu tenho idade para tal e estive lá, você como todos da sua espécie, fala do que não sabe, passando até por cima da história, mostrando um desconhecimento, até da atuação do candidato que defende, Serra era um dos líderes da AP, organização que colocou uma bomba no Aeroporto dos Guararapes, em Recife, para matar Costa e Silva e mais alguns da cúpula militar? E agora, qual é mais guerrilheiro, qual é o mais mais criminoso? Dilma ou Serra, Serra ou Dilma, os dois lutaram contra a Ditadura sim, só que o Serra por ser mais velho começõu mais cedo e conseguiu se exilar enquanto Dilma por ser mais jovem entrou mais tarde na luta e no momento mais duro dela. Eis o meu ponto de questionamento, nenhum dos dois sob o ponto de vista cristão, pode ser votado. E deixe de lado a obtusidade, quando questiona-se a intervenção da religião nos atos políticos, não se está falando da participação individual, mas da instituição, Igreja, como tem sido feito atualmente. Se você deseja viver numa Teocracia, vá morar no Irã. Quanto a essa lenda de comboio, você só pode estar de brincadeira, por hipótese vamos admitir que isso tenha ocorrido, só que você, interpreta de sua forma distorcida e não como de fato se daria se verdadeira: Vou lhe contar, entre 64 e 68 após a derrubada do Governo de João Goulart, embora houvesse um certo cerceamento de liberdade, esse era eminentemente político, ocorriam manifestações e por ai a fora, até porque os que patrocinaram o golpe, mídia, Carlos Lacerda, Magalhães Pinto, etc. entendiam que Castelo Braco, sairia do poder e haveria eleições para Presidente e eles concorreriam, ocorre que os militares gostaram do poder em em 68 baixaram o AI5, quando, cassaram todo mundo até aqueles que apoiram o golpe, estabeleceram a censura e daí por diante, diante dessa posição, o caldo engrossou e muitos, na maioria jovens e como soi os jovens podem ser, partiram para a luta armada. Então a verdade é: Não existiu a luta armada para implantação de um regime comunista como você acusa, mas uma luta armada em reação ao fechamento do regime. E para você não achar que o que retrato é mais uma fantasia, lhe afirmo que convivi, com um militar, convertido ao evangelho, que fez parte de todo o processo de repressão à época, inclusive, participou do atentado do Rio Centro, e nós conversamos, não digo muito, sobre esse assunto, mesmo ele sabendo que eu sou filiado ao PT, daí conhecer os dois lados da história. Portanto, que fique bem claro, não houve golpe para brecar um processo armado, de implantação de um regime comunista no Brasil e sim a luta armada se deu para tentar restabelecer a liberdade, diante de uma ditadura feroz, como ocorreu não só no Brasil, naquela época. Por fim, lembre-se do ensinamento de Cristo, antes de abrir a bôca para acusar alguém que você nem conhece de mentiroso, uma vez que além da formação recebida dos meus pais como citado acima, tenho em mim gravadas até o mais íntimo do meu ser e por elas norteio a minha vida, consciente que sou pecador, quem sabe o pior deles, que pela Misericordiasa Graça, as palavras do meu Senhor e Salvador, Jesus Cristo "Mat 5:37 Seja, porém, o vosso falar: Sim, sim; não, não; pois o que passa daí, vem do Maligno."

Responder
avatar
17/10/10 22:40 delete

Evangélicos entram em campanhas políticas movidos pela mesma paixão com que qualquer outro cidadão o faz. Entendo que preferências por partidos e candidatos são frutos de simpatias ou antipatias, na maioria das vezes, gratuitas. Como surgiu uma oportunidade ímpar de derrotar um candidato e um partido antipático, evangélicos entram na briga, alguns alegando valores cristãos e outros (casos mais raros, como este post) argumentando sobre vantagens administrativas. Alguns dos comentários postados aqui refletem exatamente o sentimento de antipatia x simpatia. Houve quem se sentiu ofendido e partiu para o ataque. Outro fez réplica mais azeda ainda. Devo admitir: ninguém conseguiu me convencer a votar em Serra porque tenho uma antipatia, talvez gratuita, pelo PSDB, que considero um partido casuista e muitas vezes sem posicionamento definido. Embarcou na onda neoliberal por puro casuismo, uma aposta que não vingou. Quanto ao PT, perdeu totalmente sua identidade original vindo a sintetizar-se no PMDB, PL, etc. Aliás, quem está mandando no país é o PMDB, que continuará mandando mesmo se Serra for eleito, pois sabe comprar e se vender para dar apoios. Não é por acaso que o PMDB tem alas governistas e oposicionistas. É um jogo de duas caras para participar com força do poder, seja quem for o Chefe de Estado. Inclino-me a votar nulo, digitando o número 43, como que insistindo em Marina Silva. Mas não descarto até mesmo votar em Dilma, por rejeição pura e simples do candidato Serra.

Responder
avatar
17/10/10 22:42 delete Este comentário foi removido pelo autor.
avatar
17/10/10 22:42 delete

Caro Jairo Filho:

Com relação à sua pergunta, sobre o voto a uma candidata feminina, relacionando a questão à posição da igreja sobre a ordenação feminina, vou "colar" comentário que fiz em outro "post": "A Eleição e os Políticos"

A Bíblia é muito específica quando indica as restrições à regência e docência feminina no âmbito da igreja.

Daí para frente é questão de interpretação pessoal e ilação, pois não existe restrição explícita.

No entanto, a estrutura normal, considerando a posição de liderança masculina na família, é a de que essa fosse extensiva à sociedade. Assim, a presença massiva feminina na liderança política pode ser vista como omissão e capitulação de homens, acomodados ou negligentes.

Isaías 3.12 parece indicar que essa situação é uma inversão da norma. Ainda assim, a Bíblia apresenta algumas exceções, como Débora, mas deve se notar que ela foi uma forte mulher numa era de homens fracos. Em Juízes 4.8 ela insiste com Baraque que ele deve liderar o povo na batalha; em função de sua recusa ela concorda em ir, mas antes chama a atenção de que a sua ida e a recusa de Baraque será uma vergonha para os homens da terra (4.9-10 e 9.52-57). Ironicamente, o rei inimigo (Síssera) perece por instrumentalidade de JAEL (parece que Deus está atestando a ausência de liderança masculina, naquela era...).

A classificação do sexo feminino como a "parte mais frágil", em 1 Pedro 3.7 (...tendo consideração para com a vossa mulher como parte mais frágil, tratai-a com dignidade...), não significa que a mulher seja mais fraca em caráter ou em valor, ou até em fortaleza de espírito; mas é um reconhecimento das diferenças biológicas que clamam para que os homens assumam sua condição de protetor, concedendo "dignidade" a elas.

Me parece, portanto, que seria uma grande exceção a ocupação do cargo maior executivo de uma nação por uma mulher, mas, repito, não posso aventar paridade - nesse caso - com a restrição bíblica explícita encontrada para o oficialato. Essa última não é uma questão sociológica ou temporal, mas exegética e teológica.

Solano

Responder
avatar
17/10/10 22:49 delete

Euclides diz: Eis o meu ponto de questionamento, nenhum dos dois sob o ponto de vista cristão, pode ser votado.

Ora, se é assim, por que filia-se ao PT? Largou o ponto de vista cristão?

Bem complicado...

Responder
avatar
17/10/10 23:28 delete

Caro Euclides:

Alguns já lhe responderam aqui, com bastante propriedade.

Sua truculência é muito reveladora. Então é com uma carteirada do PT que você acha que consegue as coisas e faz valer a sua vontade nesye nosso país? Eu sei que os exemplos da liderança governamental são muito ruins, mas acha mesmo que essa carteirinha é que vai lhe abrir portas e fazer com que outros se curvem à sua opinião? É assim que pretende promover a livre expressão do pensamento? Muito revelador!

Apela para a separação entre igreja e estado. Então que tal defender um estado que fique fora da igreja - que é o que estamos fazendo? Que tal deixar de legislar em questões morais e contra princípios universais que, de tão aberrantes, apressam a dissolução da frágil estrutura que ainda têm a família e a sociedade? Você disse que "políticos cuidam de política e religiosos de religião". Meu caro, quem está cruzando essa linha a que você se auto-impôs, na teoria, é a terrível plataforma do seu partido. De minha parte, uma religião que não tem o que dizer na esfera pública, é falsa religiosidade.

Reclama da utilização de argumentos bíblicos e se identifica como cristão? Onde quer aplicar o seu cristianismo, nas quatro paredes da igreja, em uma pseudo-espiritualidade que nada tem a ver ou a dizer a um mundo real? Afinal, o evangelho salvador de Cristo transforma mentes, ou não? Como devemos ser sal da terra e luz do mundo?

Acho que deveria procurar deixar a paixão partidária de lado e ler tudo com mais cuidado e mais isenção. Note que respondi a um amigo que comentou ("pós darwinista") e você achou já que eu estava falando com você; nem se preocupou em ler os comentários antecedentes. Essa maneira apressada e auto-centrada de ver as coisas o impede de ver sinceridade e propriedade em meu texto e argumentação.

Lamentavelmente, enquanto pretente coibir o direito de livre expressão, dá-se o direito de xingar, chamando-me de "doente, maluco e idota fascista"! No entanto, respondendo a outro comentarista, não gostou quando a mesma moeda lhe foi aplicada, retrucando (depois de algumas ameaças, "por ser nordestino") -"lembre-se do ensinamento de Cristo, antes de abrir a bôca para acusar alguém que você nem conhece de mentiroso".

Espero que medite em suas próprias palavras.

Em Cristo,

Solano

Responder
avatar
17/10/10 23:33 delete

Nunes!
Presbítero Solano Portela boa noite, o que Sr. tem a dizer sobre as últimas declarações do candidato José Serra em rede nacional quanto ao seu apoio irrestrito à união entre pessoas do mesmo sexo?
Obrigado!

Responder
avatar
17/10/10 23:46 delete

Caro Robson:

Parece que você não leu com muito cuidado o meu texto, pois faz um arrazoado como se eu estivesse defendendo o estado paternalista gigante, quando digo exatamente o contrário. Na realidade, eu reforço as responsabilidades LIMITADAS do governo, especialmente destacando a omissão na área de segurança, conforme nos ensina Rom 13.1-7.

Além disso, coloca palavra na minha boca, dizendo o que eu não disse. Minha ilação lógica, sobre as eleições, é perfeitamente cabível, mas eu não disse que ninguém DEVE fazer coisa alguma. São Palavras suas. É melhor exercer cuidado com isso.

Abs

Solano

Responder
avatar
17/10/10 23:48 delete

MAC:
Eu vi que você não me confundiu, é que eu estava respondendo a questão de um partido cristão por atacado, uma vez que a questão havia também sido levantada pelo Ricardo.
Abs
Solano

Responder
avatar
18/10/10 00:25 delete

Respostas e menção a vários...

Leonardo Rideiro: Grato pelas considerações do seu comentário.

Tania Cassiano e Amaury Carvalho: Grato pela reflexão que fizeram sobre o texto. Que Deus os abençoe.

Lilian, Raimundo, José Leonardo, Danilo Neves, Zenóbio, Pastor João Duarte, Sandro e Leandro: Muito obrigado por seus comentários e apoio.

Rafael: No ponto que você levanta é possível que haja pouca ou nenhuma diferença entre os candidatos, exceto uma: o casamento gay faz parte dos documentos oficiais da candidata, o que leva a uma possibilidade maior de ser impingido à nação.

V8 - Que vergonha! Procurando também proibir a livre expressão? Pelo menos eu a concedi a você e ao Gustavo Henrique!

"Igreja da Restauração" - Obrigado pelo comentário. Toda permissão é dada à reprodução deste texto!

"Consertando o Fusca": Obrigado pelo extenso texto, dando alternativas e desafiando o pensamento monolítico do atual "establishment", que não admite e se irrita no confronto com certas verdades.

Solano

Responder
avatar
18/10/10 00:27 delete

NORMA: Excelente texto o seu e obrigado pelo link. Pessoal: Dêem uma passada no Blog da Norma! Vale a pena ler (http://normabraga.blogspot.com/ )!

Abs

Solano

Responder
avatar
18/10/10 00:33 delete

Caro Ailsom:

Se você tem essa forte convicção, não vote NULO (que é voto fruto de erro), mas vote em branco.

Abs

Solano

Responder
avatar
18/10/10 03:33 delete

Eu sou nordestino e aqui não se usa essa vocabulo impunemente é considerado insulto a ponto de muitos se matarem por causa dessa "simples" palavra, para nós, você me chamou de ladrão, pois somos criados, sendo incutido todos os dias, pelos nossos pais, esse conceito "quem mente rouba", por isso lhe aconselho nunca proferir essa acusação a um de nossa região estando próximo a ele, pois o que vai acontecer daí em diante só Deus sabe.

Estou bem certo que sabe. Morei no sul da Bahia e exatamente por falar a verdade fui ameaçado com arma na cabeça. Isso não me amedronta. Mas, hoje, uma cidade quase inteira me abraça quando chego por lá, exatamente por que os livrei de enganos que poderiam tê-los feito perder suas propriedades conquistadas com muito suor. Gente simples, pescadores e trabalhadores sem instrução tinham - e ainda têm - terras herdadas que iriam perder por causa de políticos safados. Descobri a verdade, chamei todos os interessados e contei o que lhes aconteceria. Aos espertinhos não só chamei de mentirosos, mas de ladrões e pilantras mesmo. Como você pode ver, Deus me preservou das mãos dos iníquos e a verdade prevaleceu.
Agora, mesmo o povo mais simples do nordeste sabe a enorme diferença entre ladrão e mentiroso. Essa confusão que você faz, eles não fazem, não. E, os que sabem ler, entendem o que está escrito. Escrevi:

Mentira! Essa é a história que o PT conta para enganar.

Se você acreditou, paciência. Seu problema é tentar ser uma coisa que o cristão não deve ser: comunista e cristão ao mesmo tempo. Dá nisso. Raiva, espuma pela boca, vocifera coisas que não entende e acha que os outros também não. Esqueça isso, não tenho medo de coisas assim. A história não é alterável como os socialistas querem fazer crer.
(cont.1)

Responder
avatar
18/10/10 03:47 delete

Quando digo que vivi e vi é porque eu tenho idade para tal e estive lá, você como todos da sua espécie, fala do que não sabe, passando até por cima da história, mostrando um desconhecimento, até da atuação do candidato que defende...

Bem, os da minha espécie são os da sua também, com a exceção de que pensamos e buscamos a verdade. Aponte no meu texto onde foi que defendi Serra, por favor. O problema que o socialismo causa na mente de quem o defende é este: inversão do tempo, inversão entre sujeito e objeto e, claro, todo o efeito que isso causa. Em 1910, o médico francês Paul Serrier estudou isso (antes da revolução de 1917, note bem) e descobriu uma doença chamada Delirio de Interpretação. Isso significa que a pessoa atacada por esse mal é capaz de observar a realidade mas não a compreende normalmente. Como tem um pensamento fixo a alcançar - uma utopia, no caso socialista - avalia tudo pelo pensamento sem se ater à verdade que vê. É o seu caso: eu não defendi o Serra em lugar algum do meu texto. Você supõe isso e responde sobre o que eu não disse. Vou explicar melhor o que isso significa e você poderá compreender e, quem sabe, até se curar como Deus me curou dessa porcaria chamada pensamento revolucionário. (cont.2)

Responder
avatar
18/10/10 04:05 delete

(continuação.2)
Para Marx tudo levava a um futuro garantido: o socialismo. Era inexorável. Mas a realidade não bate com a teoria, então, Marx propõe a mudança da realidade ao invés de rever a teoria. Assim, o futuro é certo e será socialista, o presente é flexível e o passado deve ser alterado para que se encaixe na teoria. Essa é a inversão do tempo. Por isso a história contada por socialistas nunca retrata a verdade do acontecido. Se retratasse, veriam que o que pensam não funciona. O normal é: passado imutável, presente flexível e futuro incerto. A inversão de sujeito e objeto é a outra face deste mal. Ex: se ocorrem furtos de carteiras numa cidade, os socialistas editam uma lei proibindo os cidadãos de portar carteiras. Assunto resolvido.
O objeto deles é a carteira, não o ladrão. Por isso a sociedade é sempre a culpada pela violência quando, na verdade, o único culpado é quem a pratica. E você, infelizmente, ataca quem o ajuda, nos mesmos moldes socialistas. Deus me curou disso através do que eu chamo de humilhação curativa, também definida assim por um grande filósofo brasileiro, Olavo de Carvalho. Só na humilhação é possível enxergar a realidade humana e entender que nenhum pensamento substitui a realidade. Peça isso a Deus e você entenderá. Mas é preciso muita coragem para aceitar a verdade, pois para isso é preciso humilhação ao extremo, risco de vida, risco de perder tudo, até a reputação como Cristo fez. Não vão adiantar ameaças contra Deus, você deve saber. Mas peça mesmo, isso que você tem é doença e tem cura. Eu sofri do mesmo mal durante muitos anos. Causa transtornos terríveis ao longo da vida e não sabemos por quê até que vejamos a mão de Deus nos ensinando a verdade. Repito: é preciso muito mais coragem do que ameaças. É cara no chão, nariz na terra, cinza na cabeça. Sem isso, nada feito. Deus só responde aos corajosos, não aos valentões.
E, para seu contentamento, tanto Serra quanto Dilma são farinha do mesmo saco, e talvez Serra seja até pior. A diferença está em que o PSDB não tem compromisso com o Foro de São Paulo nem com as FARC, e isso já inviabiliza o projeto de poder do PT para o momento.
(cont.3)

Responder
avatar
18/10/10 04:16 delete

(continuação.3)
E deixe de lado a obtusidade, quando questiona-se a intervenção da religião nos atos políticos, não se está falando da participação individual, mas da instituição, Igreja, como tem sido feito atualmente. Se você deseja viver numa Teocracia, vá morar no Irã.
A instituição Igreja é formada por indivíduos. Sem estes, não há Igreja. E há uma diferença abissal entre uma teocracia e a interferência dos indivíduos da igreja no país. Estado laico significa neutro: não há interferência do estado em qualquer religião nem aceitação de uma única como oficial. Como uma nação religiosa poderá expressar-se se o estado a inibe apenas por ser religiosa? Dizer que queremos teocracia é a mesma inversão da realidade que citei acima. Para o socialista, quando algo não vai bem, ataca-se o que estiver à frente, mesmo que seja algo fora do contexto. O pensamento revolucionário não permite focar-se na realidade, pois ela o condena imediatamente. Quer ver como você faz assim? Leia o que vc escreveu no próximo post. (cont.4)

Responder
avatar
18/10/10 04:40 delete

(continuação.4)
Quanto a essa lenda de comboio, você só pode estar de brincadeira, por hipótese vamos admitir que isso tenha ocorrido, só que você, interpreta de sua forma distorcida e não como de fato se daria se verdadeira: Vou lhe contar, entre 64 e 68 após a derrubada do Governo de João Goulart...
A 'lenda' refere-se ao período anterior a 64. Está nos livros e jornais da época, contada até pelos próprios comunistas que deixaram de sê-lo. Interpretação distorcida, este é o problema dos socialistas: fatos não admitem interpretação, são fixos, imutáveis, é o passado. O governo brasileiro caminhava de mãos dadas com o comunismo desde 1954. Em 61 a coisa piorou e os militares, vendo que o país sairia dos eixos, começou a rodear o problema. Em 64 estorou a tomada do poder devido ao carregamento de armas que chegava. Por quê os militares interviriam? Castelo Branco queria apenas evitar a revolução armada; sairia do poder no tempo constitucional. Mas a revolução comunista não parou aí. Uma ala das FA quis entregar o poder aos civis. Outra ala mais forte, não: viram que os comunas ainda estavam ativos e fortes. De onde vinham as armas dos comunistas para as guerrilhas? E as bombas, granadas, explosivos de uso militar, de onde viriam senão do contrabando? Isso começou em 61. Os registros soviéticos, abertos depois da Perestróika, contam como era feito o envio de armamentos ao Brasil através de Cuba. Lembre-se do caso dos mísseis cubanos, em 63. Armas, armas, armas para a revolução mundial.
A retórica socialista diz que eles 'lutaram contra a ditadura militar', que só começou porque eles tentaram implantar uma outra, civil e comunista. (cont.5)

Responder
avatar
18/10/10 04:52 delete

Então a verdade é: Não existiu a luta armada para implantação de um regime comunista como você acusa, mas uma luta armada em reação ao fechamento do regime. E para você não achar que o que retrato é mais uma fantasia...
Eu não acho nada, só relembro os fatos. A história que você conta é a mesma dos comunistas de hoje. A inversão do passado serve apenas para dar suporte aos planos revolucionários, nada mais. Se eles não tivessem feito o que fizeram, não haveria tomada do poder pelos militares. Tanto é fato que, a partir de 1988, eles infiltraram comunas nas FA e hoje não há uma só reação ao que fazem no Brasil. A luta armada foi substituída pelo marxismo cultural, que perverte a história para dar suporte ao futuro. Futuro que nunca chega, porque nem Marx sabia os fins da revolução. Dizia:A revolução dará a conhecer seus fins. Assim, o meio torna-se o fim e a revolução nunca acaba. Por isso os revolucionários nunca são culpados de nada: a revolução ainda não acabou e eles não atingiram o paraíso prometido. Como culpá-los se não são responsáveis pelo que ainda não aconteceu? Essa é a mentalidade da roubalheira, do mensalão, da falcatrua, da inversão de valores que vemos hoje sem que o Grande Timoneiro saiba de alguma coisa.
E aqui, tanto Serra quanto Dilma são iguaizinhos. Serra é até pior, mais totalitário. Veja a lei antifumo, a clara tomada da propriedade privada pelo estado, que se acende como rastilho de pólvora. (cont.6)

Responder
avatar
18/10/10 05:14 delete

(continuação.6)
Por fim, lembre-se do ensinamento de Cristo, antes de abrir a bôca para acusar alguém que você nem conhece de mentiroso, uma vez que além da formação recebida dos meus pais como citado acima, tenho em mim gravadas até o mais íntimo do meu ser e por elas norteio a minha vida, consciente que sou pecador, quem sabe o pior deles, que pela Misericordiasa Graça, as palavras do meu Senhor e Salvador, Jesus Cristo "Mat 5:37 Seja, porém, o vosso falar: Sim, sim; não, não; pois o que passa daí, vem do Maligno."

Se você quer mesmo andar na Verdade, pense no que eu lhe disse: humilhe-se diante de Deus e peça-lhe a Verdade. Vai doer, tenho certeza. Eu saí da faculdade completamente socialista até que o Senhor me jogou na lama, esfregou meu nariz no lodo, rasgou minhas vestes e perguntou: "Arrepende-se ou quer que eu continue?". Detalhe: eu já era convertido. Então, pedi a Deus para não ser mais enganado por doutrina humana alguma. Queria ser ensinado por Ele e somente em Sua Palavra revelada. Dito e feito: aí que a coisa piorou de vez! Quase morri 5 vezes, quase perdi minha família, quase perdi meu primogênito, financeiramente perdi tudo, então falei: Senhor, demora muito para eu deixar de ser burro? Então, o Senhor me levou a Oséias 4:6: "Meu povo sofre porque lhe falta conhecimento...". Eu disse: "Ah, bom! Então, o que eu devo conhecer?" Assim, nos últimos 8 anos, o Senhor tem mostrado a realidade obscurecida pelo falso ensinamento ministrado a mim ao longo de décadas. Aprendi o real sentido da parábola da pérola: "Se quer a pérola de grande valor, custará TUDO quanto você tem". Tudo é tudo mesmo. Eu disse: "Eu quero, Senhor!" Queira, deseje-a, lute por ela, mas saiba que lhe custará tudo quanto você tem. (cont.7)

Responder
avatar
18/10/10 05:46 delete

(continuação.7)
Você é tão 'mentiroso' quanto eu fui enquanto repetia as mentiras socialistas que me ensinaram no curso da vida. Desvencilhe-se delas e você verá como a luz brilha mais forte. É a sua luz que vai brilhar; brilhará o reflexo da luz de Cristo, a Verdade, que não é refletida no engano da mentira. Não há comunhão da luz com as trevas, de Cristo com Belial. Mas não peça nada a Deus se não estiver preparado para receber a resposta. Observe como está a sua vida e como você não tem conseguido espalhar a verdade de Cristo entre os homens. O problema é com você mesmo! Veja como se portou aqui, quando tratou de avacalhar quem defendeu a Verdade. Sim, as palavras podem ser duras, mas fazem parte do tratamento. Deus as usou comigo de uma forma traumática: a humilhação curativa. Graças a Deus por tudo! Enquanto não compreendi que agia dessa forma tola, suja, baixa, mesmo cobrindo-me com o manto da pureza fictícia, continuei me arrastando pela fé. Você pode ter aceitado Jesus, mas ainda não aceitou a Verdade inteira. Pergunte-se até onde vai a sua coragem para aceitá-la. Se a desejar, a verdade vai ofendê-lo até que a aceite - faz parte da humilhação curativa, também. O pensamento socialista impõe a nós um orgulho que, de tão endurecido, só se quebrará com a humilhação real, não inventada por nós. Deixe Deus fazer isso em sua vida se O quiser nela de fato. Aí, sim, você verá por que Deus o chamou das trevas para a luz.
Você é meu xará, Euclides. Fui duro nas respostas, mas foi bem pior que isso o modo como o Senhor me tratou para livrar-me dessa praga gosmenta que infecta nosso ser: o pensamento revolucionário, base do socialismo e das tiranias, que vem do mais profundo inferno. É a sua salvação que está em jogo: não seja morno, mas quente! Não aceite menos do que a Verdade e você entenderá quanto importa sofrer por esse Nome. Aceite o tombo do cavalo, levante-se, perceba que está cego e busque a visão clara, limpa, que só Cristo, a Verdade, dá. As escamas cairão de seus olhos e você enxergará claramente.
"Não to mandei eu? Esforça-te, e tem bom ânimo; não temas, nem te espantes; porque o SENHOR teu Deus é contigo, por onde quer que andares". Js.1:9.

Deus o abençoe muitíssimo!

Responder
avatar
18/10/10 06:28 delete

"Consertando o Fusca": Obrigado pelo extenso texto, dando alternativas e desafiando o pensamento monolítico do atual "establishment", que não admite e se irrita no confronto com certas verdades.

Caro Solano, obrigado pela atenção. Há pouco postei minha resposta ao meu xará, Euclides, tão extensa quanto, mas necessária. Não tenho raiva dele, mas do que o infecta: o pensamento revolucionário marxista.
Desde o Éden que isso atormenta os homens. A serpente disse: Deus mentiu - você não vai morrer se me ouvir - essa é a concentração de poder; comam o fruto e sejam como Deus é - a revolução trará um mundo melhor - essa é a inversão da realidade.
Pensamento revolucionário é a proposta de um mundo melhor mediante a concentração de poder. Serve à esquerda e à direita.
Mais tarde, Epicuro vem e ameaça a Igreja com sua filosofia. Paulo combate o gnosticismo, que persegue a Igreja até hoje. Este é o caminho para a vinda do iníquo. Antes, pelos falsos profetas - cristãos enganados - vem a apostasia. (cont.1)

Responder
avatar
18/10/10 07:04 delete

(continuação Solano.1)
Quando o número de apóstatas superar em muito o de fiéis, o iníquo aparecerá. Sabemos que vem, não quando vem. Nossos tempos estão descritos em Jeremias 23. Vs.7 e 8 tratam do retorno de Israel à terra. Vs.9 fala dos falsos profetas que virão em seguida. Vs.23 - Deus envia juízos. Virão, estou bem seguro disso. Há 20 anos o Senhor mostrou-me que enviaria juízos porque o homem estava misturando sua Palavra com doutrinas humanas - a Teologia da Libertação. Demorei 20 anos para entender, com o nariz no lodo e a cabeça na cinza. Enquanto não vi, o Senhor não levantou a mão. Doeu, mas aprendi. Estude o cap.23 de Jeremias e veja lá o que nos aguarda para breve. Creio que em até mais 2 anos, não tardará. Corrobora o entendimento o Pr. David Wilkerson em seu alerta aos cristãos americanos. O Senhor tem dito: "Até os mais santos tremerão, mas farei distinção entre o justo e o ímpio. Quem estiver em jugo desigual com o incrédulo não será poupado. Ao que tem, mais lhe será dado; ao que não tem, até o que pensa ter lhe será tirado". Os pecados estão chegando ao céu e contaminam o aroma das orações dos santos. Deus vai agir, não tenho dúvida. Por isso falo: humilhem-se diante do Senhor até ao pó, busquem a verdade, desejem a sabedoria como o afogado deseja o ar, comprem a pérola e entendam o quanto importa sofrer pelo Senhor. Sem isso, a Igreja não sairá do buraco em que está. Vou mais além: busca do conhecimento. (cont.Solano.2)

Responder
avatar
18/10/10 07:07 delete

(continuação.Solano.2)
A Igreja não está sabendo dar respostas aos questionamentos atuais porque deixou o conhecimento de lado. Cansei de ouvir cristãos dizendo que o saber ensoberbece. O texto de 1Co.8:1 é ironia de Paulo. Se o saber incha como, em seguida, ele passa a mostrar conhecimento? Se assim fosse, Deus seria o sujeito mais inchado do Universo. O que fazem com a educação hoje serve para emburrecer, impedindo que as pessoas conheçam a verdade e tenham conhecimento.
Ignorância tem cura. Oséias 4:6 avisa que a responsabilidade da cura está sobre quem pastoreia o rebanho.
A Igreja só recuperará sua credibilidade moral depois que recuperar sua credibilidade intelectual. Veja o brilhante artigo do Dr. Earle Fox no http://www.theinteramerican.org/commentary/210-mind-control-vs-education.html - em inglês. Quem não entende a língua, traduza aqui:
http://tradukka.com/

Para começar, recomendo a leitura do livro "O Jardim das Aflições - de Epicuro à ressurreição de César" de Olavo de Carvalho. Em seguida, leitura obrigatória: "A verdadeira história do Clube Bilderberg - Daniel Stulin" - A implantação do Governo Mundial. Sem esses não dá para entender o que acontece debaixo do próprio nariz. O Brasil faz parte da estratégia globalista e poucos sabem disso. O plano já está bem adiantado. Leiam sentados para não cair de susto. O segundo está esgotado (até onde sei), mas pode ser encontrado no 4shared. Ambos em português.


Abraços fraternos

Responder
avatar
remanecente
AUTOR
18/10/10 12:23 delete

pr.portela:seu post tem altos e baixos ficou bastante confuso e cheio de interrogações,ex:governar,estar no controle é a mesma coisa ou há diferença?quando a razão da biblia dizer que:o mundo jáz no maligno isso é governo ou controle?o irmão vota em quem quiser,defende a fé que bem entender porque na verdade o irmão no afã de influêciar os leitores para falar de calvinismo e fé reformada ou seja fez uma bagunça e ainda recebe parabéns,quanta gente sega;o importante é que jesus cresça e seu servos diminuam,um abraço!.

Responder
avatar
18/10/10 12:39 delete

sic, sic, sic
Caro remanecente:
você tem razão. tem uma saga de gente sega fazendo e dizendo bagunça por aí, enquanto outros dão parabéns.
Solano

Responder
avatar
18/10/10 17:10 delete

Solano,
Você é um cristão equivocado. Se quer ser isento e obediente a Deus, não vote no Serra. Ele é ligado à Maçonaria, ou será que vc não sabe o que isso significa? Deus dá o poder aos governantes e o juízo aos homens para votar no correto. O povo queria um rei, elegeu Saul e... a história vc conhece.

Responder
avatar
Estuda
AUTOR
18/10/10 17:48 delete

Gostei muito do artigo. Parabéns.

Responder
avatar
18/10/10 17:58 delete

Presb.
O senhor tem mais uma qualidade:
senso de humor(aff..). Isso é bom!
Deus continue abençoando-o.
Tânia

Responder
avatar
18/10/10 19:58 delete

Muito triste ver que após tantas evidências de um governo voltado para o cosumo interno, combate à fome, e aparição do Brasil no contexto internacional (se desapegando dos EUA daquela relação escrava que era outrora).. Depois de melhora na condição de vida geral da população, ainda tem gente que não enxerga as coisas. O partido que não tá nem aí pra quem tem fome ou para os brasileiros está aí mentindo, fazendo promessas ridículas, desviando o foco do que tá aí pra todo mundo ver. E todo mundo caindo na conversa.

Jesus disse: Quando você negar aquele que está com fome, a mim estará negando.

Vou votar e torcer para que haja menos pessoas como as que leem este blog, espalhadas por aí.

Responder
avatar
Esli Soares
AUTOR
18/10/10 20:57 delete

Solano,

Realmente a coisa toda é engraçada, tragicamente engraçada!!!

É sempre igual, os "tolerante e pacifistas" gritam e tentam calar os contrário com intolerância e violência... o mais engraçado mesmo é os "racionais e intelectuais, os pensantes" apelarem para o irracionalismo e eristica sofismática.

Assim parabéns pelo seu artigo, seu posicionamento e seu humor...

Na paz do Senhor
Deus o abençoe.

Responder
avatar
romos
AUTOR
18/10/10 23:13 delete

Parabéns "doente, maluco e idota fascista" ESSA FOI CÔMICA. Solano e Consertando o fusca gostei dos seus comentários, tem que perguntar para o Euclides se cumpriu GL4:16 Tornei-me, porventura, vosso inimigo, por vos dizer a verdade?

Euclides que acusa, ofende , ameaça, por fim, usa a bíblia. Então quem é o fariseu? Gostei quando ele falou que ia processar... Coisa típica do seu partido(amordaçar),sem falar da carteirada categórica. Isso simplesmente porque seu partido está vendo uma eleição certa escoar pelo ralo.

Olha o que o cidadão disse: Além disso, é inadimissível e incocebível, que os "cristãos" evangélicos e católicos, queiram impor, ao restante do povo, que cultuam ou não cultuam os mais diversos deuses, a nossa fé isso é intolerência religiosa,

Que isso Euclides, agora mostrou-se totalmente aquém das noções básicas do cristianismo. Isso é imensurável afronta à obra completa de Cristo na cruz! Foi Ele quem disse: eu sou o caminho a verdade e a vida, ninguém vai ao Pai se não por mim. Então, somente uma versão de cristianismo que prega que todas as religiões são iguais é tolerante e amorosa. Você desconhece o que realmente é intolerância, se não temos que tornar-mos deliberada desobediente às orientações de Cristo para que levemos o evangelho a todos os cantos da Terra e Cristo é um mentiroso, sua Grande Comissão uma farsa inútil.

Contra fatos não há argumentos...

Saudações em Cristo.

Responder
avatar
19/10/10 01:13 delete

Giselli disse: Solano - Você é um cristão equivocado. Se quer ser isento e obediente a Deus, não vote no Serra.

Cara Giselli, não respondo pelo Solano, só por mim mesmo. Sua sugestão comporta duas perguntas: Não votar em Serra significa votar branco ou nulo? Sua sugestão significa votar em Dilma?
Branco ou nulo- foi o erro cometido na Venezuela pelos opositores de Chávez. Como só votaram os partidários dele, a eleição foi ganha pelos comunistas e hoje amargam as atrocidades que eles cometem.
Votar em Dilma- É o mesmo que votar nulo ou branco e dar o poder aos comunistas.
Não esperamos que os governos humanos atinjam o nível que Deus espera dos homens, mas não podemos aceitar que façam menos do que Deus estabeleceu para o ordenamento de um povo.
Lembre-se: o iníquo só terá força para aparecer quando o povo de Deus apostatar de vez. Nossa luta é para que continuemos mantendo a verdade à tona e exista um mínimo de ordem.
Serra é tão ruim quanto Dilma ou pior, mas o partido dele - até onde sabemos - não tem vínculos com os narcoterroristas das FARC nem com o genocida Fidel Castro.

Responder
avatar
19/10/10 01:38 delete

Elizenias Dido, suas afirmações não têm base alguma na realidade. Nosso consumo interno está baseado nas importações chinesas, e nossa indústria está à beira da falência. Os impostos cresceram e ninguém consegue competir com os chineses que não têm impostos de exportação, nem pagam salários altos e repletos de encargos 'sociais' como aqui. Mas a idéia é essa mesmo: destruir o interno para colocar o país de joelhos diante do governo mundial. O simples fato de dar dinheiro aos necessitados não significa benefício algum. Sem geração de riqueza estamos fadados a sair do anonimato e ir diretamente ao ostracismo sem conhecer o apogeu. Nunca se esqueça do lobo em pele de cordeiro. Nós não fomos escravos dos EUA em nenhum momento da nossa história. Essa é uma das muitas mentiras levantadas pela esquerda que quer destruir todo tipo de cultura judaico-cristã no mundo. Os EUA são a pedra no sapato do totalitarismo travestido de governança mundial globalista. Em outras palavras, o cumprimento da profecia da besta do Apocalipse e Daniel.
Você diz: Vou votar e torcer para que haja menos pessoas como as que leem este blog, espalhadas por aí.
Faça isso, mas não reclame depois quando lhe retirarem até o direito de ter uma Bíblia em casa. Muita gente duvida que isso venha a ocorrer, mas esquecem-se de que já aconteceu - e ainda acontece - nos países socialistas.
Você já ouviu falar de lobo em pele de cordeiro?

Responder
avatar
19/10/10 01:44 delete

Aos que não fazem a menor idéia do que acontece ao nosso redor, recomendo a leitura do trecho da carta de Fidel Castro a Hugo Chávez neste link:
http://notalatina.blogspot.com/2009/08/transcricao-da-carta-de-fidel-para.html

Só um trechinho:
Os católicos adoram menções da Bíblia ou de Cristo. Os católicos, em que pese ser a grande maioria na Venezuela, não fazem nada. Rezar, sem ações, não vão chegar a parte alguma; são uns bobalhões. Enquanto a igreja está adormecida, aproveita. Quando decidirem mover-se, já estarás instalado. Lembra que a igreja é “escorregadia”. Segue fustigando. Os católicos sem liderança não são ninguém. Nenhum padreco vai reagir. Há dois ou três que querem rebelar-se, porém seus superiores os encurralam. Se vês um sacerdote católico alvoroçado, compra-o, chama-o, ganha-o para ti; se o povo cristão se te rebela, esse será teu último dia... porém, dificilmente esse dia virá. Os judeus na Venezuela não contam, os Evangélicos são uns pobres coitados e as demais religiões para que nomeá-las? Cita o Cristo, sempre, fala em seu nome, lembra que isto a mim me deu excelentes resultados...
Nunca deixes que se organizem, nem deixes que conheçam tuas intenções. Seremos respeitados novamente com o Marxismo-Leninismo. Brasil, Equador, Venezuela e Cuba a passos indestrutíveis.
.

Se nem isso acordar, talvez os juízos divinos o façam.

Responder
avatar
MAC
AUTOR
19/10/10 09:27 delete

Caro Consertando Fusca.

"Em outras palavras, o cumprimento da profecia da besta do Apocalipse e Daniel."

Só por curiosidade, você é pré-milenista?

Responder
avatar
19/10/10 09:29 delete

Para Consertando??? Sobre as suas perguntas, passo ao largo, já que a escolha é pessoal e o direito ao voto inalienável. Sobre o texto,é nitidamente a favor do Serra. Não que ele não tenha qualidades (o texto e não o Serra), mas é alienante, na medida em que reduz um projeto de governo a uma simples decisão a favor ou contra o aborto. Serra, quando ministro, legalizou a prática, mesmo que para casos especiais. Sua esposa, quando exilada, decidiu por interromper a gravidez. Serra, ao contrário de afirmar crer o que diz o 'santinho' que fez, que Jesus é a verdade, é ligado à maçonaria. Arrogante e preconceituoso, ele é mal visto por muitos jornalistas pelo desrespeito. Pena que a mídia o aceita, pois os 'favores' dos donos estão ligados à sua manutenção. É triste ver a igreja evangélica sendo utilizada como marionete para a restauração da tirania do capitalismo do PSDB que por tempos deixou o país nas mãos dos estrangeiros. E não estou falando só nas privatizações, e sim no FMI, que ditava até o quanto devíamos pagar de luz, água, gás, inflação entre outros. O Brasil está em um novo momento de soberania nacional e há interesses estrangeiros por trás desta manobra toda dos tucanos. Os asseclas do FHC estão pelo mundo na missão de 'vender' o país novamente. Enquanto o mundo ruía com a crise econômica, o Brasil se mantinha firme e apresentando números extraordinários para o momento. Por aí, andava o ex-presidente do Banco Central, Armínio Fraga, hoje presidente da Bovespa, a mentir sobre os falsos fundamentos econômicos brasileiros, botando terror lá fora. Não creio nesses 'pastores' de momento. Deveriam pregar o evangelho para converter o pecador e não utilizar de sua infuência verbal e episcopal para levar o povo a pensar errado. O púlpito é para falar de um Reino puro e não para ser reduzido a palanque. Usem suas liturgias partidárias fora dos templos (reais ou virtuais).

Responder
avatar
hamilva81
AUTOR
19/10/10 09:36 delete

Caro Solano,

Excelente texto. Aguardo ansiosamente o próximo. De prerência até 31 de outubro.

Consertando Fusca

Muito oportuna essa citação da carta de Fidel para Hugo Chavez. Parabéns!

Hamilton

Responder
avatar
19/10/10 09:44 delete

O PIG (Partido da Imprensa Golpista) ignorou, mas a Carta Capital publicou. A PF está com uma gravação que aponta o Sergio Guerra (presidente do PSDB e coordenador da campanha do Serra) como beneficiário do esquema de corrupção do Arruda, ex-governador do DF. O dinheiro vinha de uma empresa de lixo do DF. Parece piada pronta: o lixo financia a campanha do Serra.

http://www.cartacapital.com.br/destaques_carta_capital/pandora-inesgotavel

Responder
avatar
Jorge
AUTOR
19/10/10 13:50 delete

Caro e ilustre Senhor Solano Portela...
Graça e Paz de nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo.

Lendo o seu artigo, foi despertada em mim uma saudável curiosidade em saber quais os fundamentos que o pensamento reformado utilizou para concluir que: "...o governo é uma conseqüência do pecado, fruto da benevolência de Deus (não faz parte da “lei natural”...Ele foi especificamente definido a Noé.."??

Sejam eles fundamentos biblicos, teológicos ou dogmáticos, não há necessidade de ser exaustivo, simples argumentos serão suficientes para nossa comunicação.

Fiquei curioso devido ao fato que nas duas narrações bíblicas de Gênesis que relatam a criação, em ambas está implícito a capacidade de governar que foi dada por Deus ao Homem. Pois no primeiro relato (Gn Cap.1) encontramos Deus dizendo ao Homem:"...domine sobre..."(Gn1.26) e "E Deus os abençou, e Deus lhe disse:...sujeitai-a...dominai(Gn1.28); E no segundo relato (Gn Cap.2), diz: "E Adão pôs os nomes a todo o gado...(Gn2.20)...a tudo o que Adão chamou...isso foi o seu nome.(Gn2.19)"

Ou seja, capacidade para governar, o Homem recebeu de Deus e isso não foi após a queda e a partir de Noé, mas já na criação original do Homem. Se essa capacidade é corrompida - como bem podemos atestar -, daí sim, temos a certeza que foi corrompida pelo pecado, certo?

O que o Senhor pode dizer acerca disso, para que possamos equalizar corretamente o pensamento?

Sou desde já inteiramente grato a sua nobre atenção.

Responder
avatar
Ailsom
AUTOR
19/10/10 14:47 delete

Pb. Solano,
O irmão me recomendou, casos eu permaneça na minha convicção, a votar em BRANCO e não em NULO.

Mas qual a diferença ? Pelo que sei, na contagem final, brancos e nulos são descartados igualmente.

Responder
avatar
19/10/10 15:28 delete

Caro Ailsom:

Não é uma questão pragmática, mas de mérito. O resultado é o mesmo, mas um voto NULO, como eu já disse, deveria ser sempre fruto de um erro no votar. Não consigo entender porque alguém procurar conturbar o voto, nulificando, em vez de votar em BRANCO, que é uma decisão consciente se os argumentos de um ou de outro não forem convincentes o sufiente, nem a persuasão do "mal menor" motivar a uma ação positiva por parte do votante.

Abs

Solano

Responder
avatar
Jáder
AUTOR
19/10/10 15:55 delete

Há muito tempo estava desejando escrever um "post" sobre este tema, mas os afazeres cotidianos não me estavam dando sossego.

Então, fico feliz, pelo menos, com a oportunidade de alinhavar alguns comentários sobre a eleição presidencial de 2010, pois este blog tem me fornecido bastante subsídio para isso.

Estou verdadeiramente espantando com o aproveitamento eleitoral de temas importantes para a religião cristã, sobretudo por dois candidatos (e boa parte das respectivas militâncias) que não são cristãos e não desejam outra coisa senão o voto oportunista e ideológico (voltamos aos cabrestos?).

O Estado brasileiro é laico. Não se pode misturar as crenças pessoais com políticas governamentais.

Dilma e Serra não são legisladores. Se um dos dois for eleito, irão para o mais alto posto do Executivo nacional, não para o Congresso.

Não me lembro desse estardalhaço todo em torno do aborto e da união civil de homossexuais em relação aos já eleitos deputados federais.

Fico triste com o uso eleitoreiro da fé e que figuras conhecidas como Silas Malafaia compareçam à programas partidários para subsidiar ideologicamente o voto em determinado candidato, ainda mais quando se sabe que Deus é quem estabelece as autoridades, quaisquer que sejam elas (Ciro era ateu ou judeu?).

Ademais, faz um bom tempo que Estado e Igreja andam separados e a história já nos mostrou que não deve ser diferente. E temos o direito de liberdade religiosa garantido constitucionalmente como cláusula pétrea.

Não pode haver, portanto, intromissões do Estado na organização das Igrejas, sob pena de inconstitucionalidade.

Sabemos que púlpito não combina com política, seja ela de qualquer matiz. A centralidade de Jesus Cristo na Igreja e em nossas vidas não pode ser sublimada por outra questão. Creio que a nossa frente de batalha é outra. A pregação sincera do evangelho transforma as pessoas unicamente pelo agir do Espírito Santo de Deus e ele já escolheu soberanamente todos os nossos presidentes, do passado e do futuro.

Fernando Henrique era ateu. E Lula?
E os Presidentes-ditadores?

Presb. Solano, não misture as coisas, creio que este blog é um instrumento de pregação da palavra de Deus, não de cooptação de eleitores.

Resista contra as influências do mundo na trincheira do evangelho, nas ruas (virtuais e reais) não da política.

Cada irmão (cidadão) tem a liberdade de escolher em quem votar ou mesmo de votar em branco. Isso é democracia.

Portanto, fico com as palavras do magistral poeta nordestino Jessier Quirino, quando diz que o cara para ser político no Brasil ele deve, entre outras coisas:

"gritar aleluia em igreja pegue e pague, alegrar sessão espírita, assistir meia missa e sair comungado, batizar "minino" feio com o nome de Desmenielisson Jerry, dar de comer do melhor e comer porcaria".

Assim, "depois de prometer como sem falta e faltar como sem dúvida"(Jessier, mais uma vez), dará as costas aos seus eleitores em nome da governabilidade ou conveniência política, ambos sabemos o que é isso.

E, após a patifaria do segundo turno, Machado de Assis mais uma vez terá razão:

"Ao vencido, ódio ou compaixão; ao vencedor, as batatas".

Em Cristo, Jáder Bitencourt Andrade Oliveira.

Se desejar, nos visite:

www.gracasomente.blogspot.com

Responder
avatar
Roger
AUTOR
19/10/10 18:40 delete

Caro Solano,

não consigo ser tão cético, como vocês conservadores e nem tanto como certos progressistas.

Acho que nessas eleições o Brasil tinha 4 bons candidatos. Todos eles com certeza caminhariam rumo a uma melhor distribuição de renda. Pois sem dúvida esse é o grande pecado do Brasil hoje.

Seria bom mesmo se o que a Bíblia diz fosse verdade e Deus de fato, governasse o Brasil... Assim como Israel que rejeitou o governo divino e buscou um rei, assim é como o Brasil, no que se trata da distribuição da renda. Num país com a maioria esmagadora de cristãos...

Infelizmente o povo é enganado e o foco é tirado daquilo que realmente pesa: justiça social. Dela deriva muito (se não tudo) do que há de mais importante no campo ético.

A defesa da vida passa pela justiça social.

A defesa da família passa pela justiça social.

A defesa contra a criminalidade passa pela justiça social.

Não é atoa que a Bíblia nos lembra que o amor ao dinheiro é a raiz de todos os males. O estado não pode proibir (evitar que) uma mãe de abortar, mas pode fiscalizar as relações econômicas (aos moldes de Neemias). Aliás este é o seu papel.

Obrigado por levantar o tema aqui, e me proporcionar o espaço para também me expressar.

fraternalmente,

Roger

Responder
avatar
romos
AUTOR
19/10/10 20:58 delete

As pessoas esclarecidas não devem deixar de influenciar povo para um voto certo ou menos errado, independentemente de ser um cristão ou não. O que não pode fazer é usar o púlpito para isso, como aqui não é o púlpito, parabéns pelos comentários, Solano, isso sim é democracia. Só mais uma coisa, será que todo esse reboliço em volta da eleição não é vontade de Deus? Será que Deus não está fazendo isso para que sua vontade seja cumprida? Até onde eu sei, Deus não vai descer do seu trono é votar no meu lugar de ninguém.

Saudações em Cristo!

Responder
avatar
odranoeljrs
AUTOR
20/10/10 04:15 delete

Pena que o debate submergiu às teorias de conspiração.
Se toda a veracidade da tal carta de Fidel a Chavez for o link disponibilizado, não há a menor condição de se dar crédito a ela.
E até onde residem os fatos (que, invariavelmente, estão fora das páginas de Veja) o PT não tem associação com as Farcs.
Uribe, que foi combativo ao movimento durante os seus anos de governo, teve em Lula um aliado, não um oponente.
Mas aí virão os pensamentos de Olavo de Carvalho e a pulverização da razão, difundida em conspirações e conspirações.
Embora todas as suas mazelas, PT e o governo Lula promoveram a inclusão social, foi além de pautar o país pelo eixo Rio-SP.
Dilma representa a oportunidade de continuar o rumo.
É esse discurso que a população entende.
O discurso floreado, filosófico, divorciado do cotidiano não tem plateia, e termina por se misturar ao preconceito de ditos esclarecidos, inconformados em ver o apedeuta laureado por onde anda.
Se houvesse um interesse genuíno no país, nos rumos para o futuro desta nação, um interesse de amor, se aconselharia aos cristãos que buscassem orientação para votar apenas em oração, sem o alarido tolo de adotar uma postura "politizada", mas sem ressonância na vida prática.

Feliz cada novo dia...

Responder
avatar
Ailsom
AUTOR
20/10/10 10:50 delete

Prezado Pb. Solano, agora me enquadrei na classe dos indecisos das pesquisas eleitorais. Tenho até o dia 31 para decidir se voto NULO ou em BRANCO.

Creio que o voto nulo ou em branco é uma forma legítima de dizer que não concorda com nenhum dos candidatos. É uma forma muito mais lúcida de protestar do que votar em Tiririca (que aliás foi uma grande armadilha) e outras aberrações.

Se todos que estão descontentes, como eu, com os dois candidatos votassem nulo (ou branco) o eleito não poderia dizer que tem a aprovação da maioria dos eleitores.

Não vejo neste caso a aplicação do "mal menor". Os "males" são iguais nos dois candidatos... Mas é opinião minha.

Responder
avatar
20/10/10 14:50 delete

Vc pode votar nulo ou branco, o que, aliás, tanto é direito do cidadão que é uma das opções. Mas vc está deixando que outros decidam por você, na medida em que seu voto não será computado como válido. Passamos muito tempo exigindo nossa participação no que acontece conosco e com o nosso país. Votar em branco é dizer: decidam por mim, já que não consigo por conta própria.

Responder
avatar
20/10/10 21:54 delete

Presb. Solano.

Parabéns pelo artigo. Deus continue te fortalecendo. Abraços.

pr. Marlon.

Responder
avatar
Nill Lobato
AUTOR
22/10/10 15:30 delete

Caros irmãos cristãos reformados.
Podemos ver nessa eleição presidencial um fato inédito na história não só política,mas também inédito no âmbito cristão.Os dois candidatos ficaram de joelhos aos pés da Igreja.
Hoje somos milhões de cristãos no pais e no que interessa a eles,NÓS VOTAMOS.E é ai que eu quero chegar.
Infelizmente a maioria não procura saber a verdade do passado dos candidatos.Quem ontem assinou o PNDH já diz que não é bem assim.Quem no passado fez parte de grupo terrorista e esteve enjaulada 3 anos,ninguém se lembra ou finge que não vê e por ai vai.
Vamos procurar confrontar os príncipios cristãos e morais com os príncipios dos políticos tucanos como Alckmin,Álvaro Dias,Aécio,FHC e outros e também confrontar com os príncipios comunistas do Zé Dirceu,Elenisse,Fidel Castro,Mao Tsé Tung,Lenin,Hugo Chavez,a Turma do Mensalão,MST,os movimentos gays,as FARCs e outros.
continua...

Responder
avatar
Nill Lobato
AUTOR
22/10/10 16:01 delete

continuando...no meu ponto de vista não tem santo nem de um lado nem do outro,mas uma coisa é clara.Alguém vai ganhar a eleição e entre tucanos e comunistas,EMBORA NENHUM SEJE A NOSSA CARA COMO IGREJA DE CRISTO,os tucanos sem dúvida representam melhor a ética,a moral e já deram provas de fazer e não falar quando estão no poder.
Não quero entrar nessa questão de quem fez e quem não fez,mas sim na questão de que nós e eu digo sim,me referindo a certas facções que se dizem cristãs e apoiam claramente esses comunistas que historicamente são inimigos do Cristianismo.Eu posso dar nomes?
Garotinho,Magno Malta,IURD,Igreja Renascer e por ai vai.Essa cambada ostenta o título de cristãos e apoiam as aberrações anti- cristianismo.
É em momentos de decisão como agora que Dilma e Serra se ajoelham diante da Igreja pra pedir o nosso voto e vejo nisso uma grande oportunidade que Deus nos da de sermos respeitados como instituição e deixamos a oportunidade passar,graças a sermos cada um por si.

Que Deus abençoe a todos...

Responder
avatar
Vinícius
AUTOR
22/10/10 16:59 delete

Olá,

existe uma questão mais séria por trás de algumas coisas que tem sido pregada por alguns cristãos. É a ideia de que o estado, de alguma maneira, deveria se curvar a supostas "leis" extraídas da bíblia. Logo, se o aborto é um terrível pecado, ele deveria ser tratado como crime e etc.

Portanto, a discussão que eu queria ver sendo feita é: qual o limite entre princípios cristãos e o direito civil? Como eles se relacionam? E ainda, é possível extrair princípios tão evidentes da bíblia acerca de temas complexos que enolvem saúde pública ou casamento gay? Proibir, ou não legislar sobre tais assuntos, tornam a situação pior ou melhor do que a atual?

são essas questões que não encontrei sendo debatidas por aí...

abraços!!

Responder
avatar
22/10/10 18:25 delete

Parabéns, Solano e "Consertando o Fusca". O primeiro esquerdista/petista/marxista, com toda certeza, foi o diabo.

Responder
avatar
22/10/10 22:04 delete

Caro Esli e demais amigos que comentaram ultimamente:

Muito obrigado pela atenção, não vai dar para responder a todos.

Caro JAIRO:
Estou respondendo suas perguntas no próximo POST.

Caro Jáder:
Você disse: "Presb. Solano, não misture as coisas, creio que este blog é um instrumento de pregação da palavra de Deus, não de cooptação de eleitores".
Eu: Ué!? Você não leu o que está embaixo do "O Tempora! O Mores!"? Esse Blog é sobre quase tudo" Até sobre acupuntura já escrevi! Não posso dizer em quem vou votar?

Caro Roger:
O Governo é sobre justiça! "justiça Social" não tem a primazia sobre a justiça física (garantia de ir e vir), nem sobre a justiça moral (a não promoção da imoralidade, como prerrogativa do governo). Justiça Social tanto é sub-produto das demais, como é uma diretriz muito mais pessoal do que aos governos. Até a teocracia do Antigo Testamento previa assistência aos carantes como uma responsabilidade dos que tinham, em vez de uma das atribuições do governo. Além disso, no máximo o governo deve garantir a cada cidadão a capacidade de desenvolver com equidade as suas desigualdades, não prover e igualdade forçada aos desiguais.

Um abraço a todos,

Solano

Responder
avatar
Jáder
AUTOR
22/10/10 23:28 delete

Pode sim, Presb. Solano, pode dizer em quem vai votar. Nosso país assegura a liberdade de expressão do pensamento.

A casa é sua rsrsrsrs.

Minha advertência gira em torno de um ponto fundamental e creio que o Sr. não levou o em consideração.

É cediço que o Sr. é um dos ícones de nossa denominação e suas palavras têm um peso acentuado no meio presbiteriano e até mesmo fora dele, conforme se depreende das polêmicas suscitadas através do penúltimo "post".

Por este motivo, fiz apenas uma sugestão, com base nas palavras de Paulo:

"Portanto, quer comais quer bebais, ou façais outra qualquer coisa, fazei tudo para glória de Deus".

No mais e sempre, Deus te abençoe.

Abs

Jáder

Responder
avatar
Marcelo
AUTOR
24/10/10 18:54 delete

Lamento que seu texto, apesar de boas posições e de usar uma balança de dois pratos, trate de maneira tão banal o que foi a privatização ocorrida no Brasil.

Enquanto na Europa o povo comprou ações e se tornou proprietário das empresas, no Brasil, FHC, Serra, Alckmin venderam nossas empresas pra grupos estrangeiros com dinheiro do BNDES.

A coisa foi tão feia que os grandes empresários brasileiros criaram caso pra conseguir pra eles a mamata também. Empréstimos com uma carência gigante, juros reduzidos e mais uma empresa vendida.

Talvez o Sr. deveria pensar um pouco no que é uma coisa como essas antes de simplesmente declarar que as privatizações beneficiaram o Brasil.

Apesar de o tema ser indefensável, essas coisas não são contabilizadas nos debates.

A menos que seja justificável que empresas como a Goiás Fértil sejam vendidas por um quinto do valor do seu patrimônio, ou que o governo proíba aumentos e investimentos nas empresas pra que elas dêem prejuízo e prestem serviço de má qualidade, pra em seguida à sua saída da posse do Estado, passem por aumentos de até 600% - coisa que faria qualquer estatal ser extremamente lucrativa e eficiente.

Por que não se comenta que os aposentados das privatizadas foram pra previdência comum antes da venda? Antes a empresa tinha um lucro pequeno, o governo assume os encargos e o lucro sobre, aí vão comemorar a competência do setor privado!

Lembrando que muitas empresas públicas pagavam parcela de dívida, claro que os compradores não ficaram com a parcela, ficaram só com o lucros de onde as divisas eram retiradas.

Estranha-me também o post comentar sobre a corrupção no governo lula e ignorar a vergonhosa campanha pra reeleição de FHC comprando votos descaradamente com cargos públicos e somas de 6 dígitos, esquecer convenientemente a declaração de que o mensalão ocorria na era PSDBista, o mensalão do Eduardo Azeredo, sobre apoio a déspotas, esquecer do apoio feito a Fujimore por FHC. Da elevação da dívida interna de 150 pra 700 bilhões de reais, mesmo com a venda das gigantes nacionais.

Lembrando ainda a incompetência dos psdbistas mostrada na crise energética, na crise de 1997,

Não estou satisfeito com Dilma nem com PT, nada satisfeito, mas voto aliviado neles por questões muito simples e uma delas é a matemática: pra que o PT consiga fazer o estrago feito pelo PSDB ao país, ainda vão precisar de uns 50 anos, foi mais ou menos esse patrimônio destruído por 8 anos de governo.

Responder
avatar
Aprendiz
AUTOR
30/10/10 10:38 delete

FHC vendeu as estatais pelo melhor reço que pode. O BNDS EMPRESTOU! dinheiro, o que ajudou a melhorar o preço. Foi muito bom que tenham sido privatizadas a telefonia (lembram que lixoéra a telofonia brasileira?) e a Vale, que se tornou uma excente empresa justamente por ter sido privatizada. O preço de venda poderia ter sido melhor ainda, não fosse o terrorismo que lula promovia na época.

Muito diferente do que fez o pt, que entregou de mão beijada (ou não tano?) riquezas incontaveis nas mãos do marido traído de Luma de Oliveira. Gravíssima é a situação atual, em que a petrobrás está sendo dilapidada por uma corja de bandidos.

Crimes sem conta os sindicalistas vão cometendo onde quer que se encastelem, roubando o dinheiro da Bancoop (o tesoureiro petista foi preso por estelionato), estorquindo fábulas de dinheiro nos munícipios e "privatizando" as empresas estatais para a "república dos companheiros". Tais roubos não estão desacompanhados de violência, com mortes misteriosas de prefeitos e testemunhas. Até hoje os parentes de Celso Daniel não podem voltar ao Brasil, por medo das ameaças dos petralhas. Agora, numa nova onda, morrem assassinados vários motoristas que haviam se oposto aos desmandos de seu sindicado.

No campo externo, pode-se afirmar que este governo não demonstra apreço nenhum por democracias, ama sim é ditadutas e proto-ditaduras, às quais ele dedica todo seu apoio e elogios.

No campo instituicional, o estrago é o mais feio. É terrivel que pelos telefonemas de um único advogado criminalista, ligado ao governo, ministros do STF mudem seu voto. Em todas as instituições, o que se vê é o mesmo, a desgraça da exceção, do atropelo da lei, da lei do mais forte (politicamente).

continuo depois

Responder
avatar
Marcelo
AUTOR
30/10/10 16:00 delete

Enquanto você não continua, respondo apenas o primeiro parágrafo do que vc escreveu.

1. O ministro Sérgio Motta previu a renda de 35 bi com a venda da Telebrás, ela foi vendida por 22,2 bi, com entrada de 40%, 8,9 bi. Em 96 e 97 o Governo Federal investiu 16 bi no sistema e em 98, nas vésperas da privatização, 5 bilhões de reais. Ou seja, o Estado investiu 21 e recebeu 8,9 bi, o resto foi pago com moeda podre. Só em 97 a Telebrás rendeu 4 bilhões de reais graças aos reparos feitos pelo Estado na rede de telefonia, coisa que estava impedida porque o Governo FHC não permitia nem aumento de tarifas, nem que o BNDES emprestasse dinheiro às estatais. Sem falar que o cálculo do valor de venda não levou em conta o patrimônio da Telebrás.
Quando a empresa foi privatizada, não se viu um único operador instalando equipamento e as instalações de novas antenas e centrais só veio com o boom da telefonia móvel. Inclusive, há dois motivos na melhora das telecomunicações brasileiras: os 21 bilhões investidos em infra-estrutura pelo governo federal e o incrível desenvolvimento tecnológico da área na época e nos anos seguintes.

2. Falando na Vale, ela foi entregue a Benjamin Steinbruch com 700 milhões de reais em caixa.

3. Falando em dinheiro em caixa a Telesp foi entregue ao grupo Telefonica com 1 bilhão de reais em caixa: e foi vendida por 2,2 bi.

4. Na privatização do Banco do Estado do Rio de Janeiro, o governo assumiu o plano de pensão dos funcionários: Marcelo Alencar fez um empréstimo de 3,3 bilhões de reais e o banco foi vendido por 330 milhões de reais (pagos com moedas podres negociadas a 50%).

Por fim, pelo seu texto, Aprendiz, dá pra ver que a questão não é um debate técnico onde os fatos são considerados ou onde as afirmações se sustentam. Você convenientemente parece esquecer que nem o STF, ou o STJ, ou MP, nem ninguém se manifestou sobre a inconstitucionalidade dos atos de FHC pra votar a reeleição e se beneficiar.
Parece esquecer das denúncias de mensalão pra comprar a reeleição a 200 mil reais o voto.
Não comentou uma palavra sobre o apoio de FHC a Fujimori, talvez ele fosse um defensor dos direitos humanos.

Dizer que o BNDES foi usado nas privatizações pra aumentar o preço, mostra que você está falando do assunto pelo que viu na televisão, na propaganda governamental pra descer goela abaixo do povo o absurdo que estavam fazendo.

Se não é assim então me diga: p q o BNDES não foi usado como fonte de empréstimos para que os brasileiros comprasses as estatais, colocando essas empresas no mercado de ações, capitalizando as empresas e criando sistemas de gestão sem o mando político do governo que as mantinha dando prejuízo?

Por que a Estatal Francesa de Energia Elétrica comprou a CPFL paulista com dinheiro do BNDES e nenhum outro brasileiro pode fazer o mesmo?

Você está tentando provar que o lula, a dilma e o pt são demônios, pra isso, está fazendo um esforço estranho pra limpar a corja do PSDB e limpar as ações vergonhosas deles.

Aproveite e tente explicar a licitação da linha lilás do metrô de São Paulo: 4 bilhões de reais numa licitação de cartas marcadas denunciada pela folha que o seu candidato Serra chamou de "extremamente secundária".

Por último, sobre as privatizações, sugiro que você se debruce sobre livros que tratam do assunto, números, explicações e contas vão mostrar pra você uma realidade muito diversa dessa que vc acha conhecer.

Responder
avatar
Marcelo
AUTOR
30/10/10 16:14 delete Este comentário foi removido por um administrador do blog.
avatar
Marcelo
AUTOR
30/10/10 16:17 delete

1. O ministro Sérgio Motta previu 35 bi com a venda da Telebrás, vendida por 22 bi, só entrou 40%, 9 bi. De 96 a 98 o Governo Federal investiu 21 bi no sistema. Ou seja, o Estado investiu 21 e recebeu 9 bi, o resto foi pago com moeda podre. Só em 97 a Telebrás rendeu 4 bilhões de reais graças aos reparos feitos pelo Estado.
Quando foi privatizada, não se viu um único operador instalando equipamento e as instalações de novas antenas e centrais só veio com o boom da telefonia móvel. Inclusive, esse é o outro motivo da melhora nas telecomunicações brasileiras que não tem nada com privatizações.

2. Falando na Vale, ela foi entregue a Benjamin Steinbruch com 700 milhões de reais em caixa.

3. Falando nisso a Telesp foi entregue à Telefonica com 1 bi em caixa: e foi vendida por 2,2 bi.

4. Na privatização do BANERJ o governo assumiu o plano de pensão dos funcionários: o gov Marcelo Alencar fez um empréstimo de 3,3 bi e o banco foi vendido por 330 milhões.

Aprendiz, você se esqueceu que nem o STF, ou o STJ, ou MP, se manifestou sobre a inconstitucionalidade dos atos de FHC pra votar a reeleição e se beneficiar?
Se esquece das denúncias de mensalão pra compra da reeleição a 200 mil reais o voto?

Do apoio de FHC a Fujimori?

Afirmar que o BNDES foi usado nas privatizações pra aumentar o preço, é risível, me diga: p q o BNDES não emprestou dinheiro pros brasileiros comprarem então?

Você está tentando provar que o lula, a dilma e o pt são demônios e está fazendo um esforço gigante pra limpar a corja do PSDB e limpar as ações vergonhosas deles.

Tente explicar a licitação da linha lilás do metrô de São Paulo: 4 bi numa licitação de cartas marcadas denunciada pela folha que o seu candidato Serra chamou de "extremamente secundária".

Por último, sugiro que você se debruce sobre livros que tratam de privatizações, números, explicações e contas vão mostrar pra você uma realidade muito diversa dessa que vc acha conhecer.

Responder
avatar
30/10/10 23:34 delete

Demorei a responder devido à conexão lenta. Vamos lá. odranoeljrs disse:
Pena que o debate submergiu às teorias de conspiração.
Se toda a veracidade da tal carta de Fidel a Chavez for o link disponibilizado, não há a menor condição de se dar crédito a ela.

Sabemos que satanás conspira contra o povo de Deus. Qual seria a novidade, então? Existem dois tipos de teóricos: os que fazem e os que estudam as conspirações. Círculos místicos mantém contato com o demônio e trazem as idéias dele ao mundo. Em cima disso, outros constroem. Quando alguém descobre o que está sendo feito, seja por revelação de Deus ou por estudo (quando possível), é imediatamente chamado de teórico da conspiração. Essa é uma das táticas usadas desde o começo dos tempos para tentar destruir a verdade. Penso que Noé deve ter sido o primeiro a receber o título.
-Chover? Quando? Esse Noé deve ser mais um teórico da conspiração!! Isso só serve para botar medo nas pessoas...
Só restou Noé com sua família, todos teóricos da conspiração, vivos!
O blog da Graça Salgueiro é um dos poucos reconhecidos internacionalmente pela veracidade das apurações e idoneidade da jornalista. Ela mantém contato com pessoas dos altos níveis militares, governo e justiça para apurar os fatos. A carta é verídica, foi lida na Venezuela numa rádio que Chávez fechou exatamente por isso. Ela recebe ameaças de morte constantes porque revela coisas que foram ocultadas pelos tipinhos que tomaram o poder.
(cont.1)

Responder
avatar
31/10/10 00:11 delete

(continuação.1)
Uma grande mentira é muito mais crível do que várias pequenas. As grandes, de difícil verificação imediata, nos fazem crer que são verdadeiras, e os que as contestam parecem os reais mentirosos. O discurso comunista é sempre ateu militante, mas não só. Ele contém a semente do gnosticismo que Paulo combatia nos 1os tempos. Ele inverte o raciocínio tentando construir uma nova realidade, cuja estrutura obedeça os ditames marxistas, os quais certificam que tudo levará o mundo ao comunismo (futuro mais garantido que a profecia bíblica). Observe que um dos maiores crimes que a imprensa brasileira cometeu foi acreditar no discurso do PT e usá-lo como manchete de jornal. Quem divulgou o vídeo de Dilma falando a favor do aborto foi considerado teórico da conspiração pelos petistas. Eles que mintam melhor, então.
(cont.2)

Responder
avatar
31/10/10 00:21 delete

(continuação.2) - diz odranoeljrs E até onde residem os fatos (que, invariavelmente, estão fora das páginas de Veja) o PT não tem associação com as Farcs

O PT não só tem associação com as FARC como nunca disse que são terroristas, mesmo depois de vários atentados e sequestros (já contam com mais de 15 mil entre todas as guerrilhas). Provas poucas, porque ladrão não dá recibo, mas existem. Uma delas é o próprio discurso das FARC aqui:
http://web.archive.org/web/20070310215800/www.farcep.org/?node=2,2513,1
Agora só falta você dizer que o archive.org é teórico da conspiração também. Olavo de Carvalho recebeu cópia do original. A associação não se dá em reuniões no Planalto, mas entre os representantes do nosso governo e as FARC no Foro de SP, a internacional comunista da Am.Lat.
16 de Enero de 2007 (Lula já era presidente)
Saludo Mesa directiva del Foro de Sao Paulo
San Salvador, El Salvador
Compañeros
La utopía se esfumaba, la desesperanza se apodero de muchísimos dirigentes que habían dedicado toda su vida a la lucha por conquistar un mundo mejor, idealizándolo con el modelo de socialismo desarrollado de la Unión Soviética.
...Es en ese preciso momento que el PT lanza la formidable propuesta de crear (há 17 anos) el Foro de Sao Paulo, trinchera donde nos pudiéramos encontrar los revolucionarios de diferentes tendencias, de diferentes manifestaciones de lucha y de partidos en el gobierno, concretamente el caso cubano...
En las FARC creemos que no son correctas las dos apreciaciones anteriores y, por el contrario, pensamos que los partidos que se encuentran en el Foro y que hacen parte de los gobiernos...
...algunos compañeros que, en forma y bajo responsabilidad personal, públicamente dicen que las FARC no pueden participar en el Foro, por ser una organización alzada en armas...

(cont.3)

Responder
avatar
31/10/10 00:36 delete

(continuação.2) - diz odranoeljrs E até onde residem os fatos (que, invariavelmente, estão fora das páginas de Veja) o PT não tem associação com as Farcs

O PT não só tem associação com as FARC como nunca disse que são terroristas, mesmo depois de vários atentados e sequestros (já contam com mais de 15 mil entre todas as guerrilhas). Provas poucas, porque ladrão não dá recibo, mas existem. Uma delas é o próprio discurso das FARC aqui:
http://web.archive.org/web/20070310215800/www.farcep.org/?node=2,2513,1
Agora só falta você dizer que o archive.org é teórico da conspiração também. Olavo de Carvalho recebeu cópia do original. A associação não se dá em reuniões no Planalto, mas entre os representantes do nosso governo e as FARC no Foro de SP, a internacional comunista da Am.Lat.
16 de Enero de 2007 (Lula já era presidente)
Saludo Mesa directiva del Foro de Sao Paulo
San Salvador, El Salvador
Compañeros
La utopía se esfumaba, la desesperanza se apodero de muchísimos dirigentes que habían dedicado toda su vida a la lucha por conquistar un mundo mejor, idealizándolo con el modelo de socialismo desarrollado de la Unión Soviética
.
(cont.3)

Responder
avatar
31/10/10 00:40 delete

(cont.3)
...Es en ese preciso momento que el PT lanza la formidable propuesta de crear (há 17 anos) el Foro de Sao Paulo, trinchera donde nos pudiéramos encontrar los revolucionarios de diferentes tendencias, de diferentes manifestaciones de lucha y de partidos en el gobierno, concretamente el caso cubano...
En las FARC creemos que no son correctas las dos apreciaciones anteriores y, por el contrario, pensamos que los partidos que se encuentran en el Foro y que hacen parte de los gobiernos...
...algunos compañeros que, en forma y bajo responsabilidad personal, públicamente dicen que las FARC no pueden participar en el Foro, por ser una organización alzada en armas...


O texto é bem explicativo e foi escrito 'nas montanhas da Colômbia' por pessoas honestíssimas, de caráter ilibado, cuja idoneidade e honradez são indiscutiveis. Mas os teóricos da conspiração estragam tudo...e revelam o que eles conversam às ocultas.

(cont.4)

Responder
avatar
31/10/10 00:42 delete

(cont.4)
odranoeljrs diz: Uribe, que foi combativo ao movimento durante os seus anos de governo, teve em Lula um aliado, não um oponente. Mas aí virão os pensamentos de Olavo de Carvalho e a pulverização da razão, difundida em conspirações e conspirações.
Lula foi aliado na frente das câmeras. No FSP era outra coisa que ninguém ouve pque a imprensa não publica. Só o fazem os teóricos da conspiração, como Olavo de Carvalho, Graça Salgueiro, Heitor de Paola, etc. O mais engraçado disso tudo é que Olavo disse o que ia acontecer com o Brasil e AmLat há mais de 15 anos, quando o FSP começou. Quase como uma profecia, aconteceu tudo e hoje temos o PNDH-3, a cartilha de Lênin, para destruir o resto que ainda está de pé. Lembro-me de ter comentado que o PT iria fazer algo assim em meados de 2009, numa lista da internet, e acharam que eu era maluco, que precisava de psiquiatra. Não fora revelação divina direta, mas graças a Deus eu soube o que ia ocorrer e... aconteceu exatamente como fora previsto. Depois que se conhece a conspiração fica fácil saber como eles pensam e qual será o próximo passo.
Curiosamente, conspiradores acertam na mosca quando começam a buscar informações que a mídia não publica ou publica de forma invertida.
(cont.5)

Responder
avatar
31/10/10 01:39 delete

(cont.5)
diz odranoeljrs Dilma representa a oportunidade de continuar o rumo.
É esse discurso que a população entende.
O discurso floreado, filosófico, divorciado do cotidiano não tem plateia, e termina por se misturar ao preconceito de ditos esclarecidos, inconformados em ver o apedeuta laureado por onde anda.


O fato de a população entender não significa que estã certo, ainda mais vendo como anda a educação hoje e o que a mídia tem feito. Há muita coisa para ser dita, mas não cabe aqui. Os efeitos dos programas de engenharia social são terríveis e é o que se vê nas opiniões gerais do povo. O problema não é Lula ser analfabeto, é ser vigarista. Tanto faz um vigarista não saber ler ou ler Platão de trás para frente: continua sendo um vigarista. Disse Jesus: "Quem comigo não ajunta, espalha". Não há meio termo.
Depois que se aprende como pensam e o que querem, não dá para concordar com eles ainda que repitam um trecho das Escrituras. Se o diabo diz "Jesus te ama" há uma diferença abissal qdo um cristão genuíno diz a mesma coisa. Por quê? A intenção oculta no 1o e a verdade revelada pelo Espírito no 2o. Por isso é tão fácil enganar os cristãos: acreditam em tudo apenas porque se parece com a verdade revelada, mas se esquecem de observar a origem: quem está falando - Porque não ignoramos os seus ardis (2Co.2:11). Ou será que ignoramos?
Só porque alguém deu dinheiro aos necessitados já deve ser considerado um santo? Judas fazia o mesmo com a bolsa dos apóstolos, lembra-se? Foi ele quem disse que aquele perfume poderia ser vendido e o dinheiro dado aos pobres. O discurso é idêntico e o tipo pessoal idem. Como brinde ganhamos a traição - está no pacote. Quer fazer bem aos necessitados? Faça-o com as próprias mãos e não deixe a direita saber o que a esquerda faz. Nâo serão Lula nem o estado a responder perante Deus (se bem que Lula vai dançar miudinho se não se arrepender).

(cont.6)

Responder
avatar
31/10/10 01:50 delete

(cont.6)
odranoeljrs diz:Se houvesse um interesse genuíno no país, nos rumos para o futuro desta nação, um interesse de amor, se aconselharia aos cristãos que buscassem orientação para votar apenas em oração, sem o alarido tolo de adotar uma postura "politizada", mas sem ressonância na vida prática.

Orei enquanto Deus me ensinava a observar a realidade, na qual eu vi pecado, mentira e malignidade por isso não precisei orar para saber em quem votar só na hora H (repito: confio em nenhum).
Tenho absoluta certeza de que Deus não disse ao povo para votar num reacionário naquela eleição, mas o povo votou contra Cristo e Barrabás venceu com ampla margem, ao contrário das pesquisas feitas no dia em que Jesus entrou na cidade montado num jumentinho. Quem diria, ein?
(cont.7)

Responder
avatar
31/10/10 01:52 delete

(cont.7)

Assim é hoje: Judas diz que o dinheiro aos pobres é o melhor que alguém pode fazer e as pesquisas indicam que Barrabás pode sair vitorioso logo no 1o turno. Se o demônio fizer boas ações, os cristãos devem votar em seu candidato, porque ele ajuda os pobres. Levar assuntos religiosos para o terreno da política, jamais! Os apóstolos e profetas bíblicos são os maiores teóricos da conspiração, pois só falam na volta do Salvador que até hoje não aconteceu: indício de que só queriam botar medo na população com invencionices eleitoreiras. E não dê crédito àquele jornalista Lucas: ele é médico e não tem diploma de jornalismo. Vote em Judas: caráter, honra e fidelidade são suas maiores virtudes.
Quando suas crianças estiverem certas de que homossexualidade é normal, que drogas são 'o maior barato', que aborto é bom depois do sexo e que pais só servem para chatear, talvez você comece a ver que as conspirações realmente existem e não são nada teóricas, mas práticas satânicas de todos os dias para o surgimento do iníquo governante global. Alguns não enxergam isso nem quando tudo o mais aconteceu. E não pense que sua educação cristã vai mudar alguma coisa nas crianças, pois a força que vem de fora é muito maior. Pais são retrógrados, homofóbicos e nazistas por definição, principalmente na adolescência...
Vote em quem quiser, fale bem até do diabo se achar melhor, só não fique com o pé em duas canoas: morno, se quiser falar biblicamente.
Abs.
(fim odranoeljrs)

Responder
avatar
31/10/10 02:37 delete

Os cristãos caem em armadilhas de retórica com muita facilidade. A Igreja não vai recuperar sua credibilidade moral enquanto não recuperar sua credibilidade intelectual. A engenharia social faz com que pessoas tenham opiniões, que são meras suposições sobre o quê não se sabe ao certo. Ao mesmo tempo, induzem o indivíduo a não ter certeza de nada, mesmo que a realidade esteja patente debaixo dos próprios olhos. Quem crê firmemente na verdade é chamado de fundamentalista mesmo que seus críticos tenham o mesmo fundamento de fé. Isso é o arrepio da lógica e o sarcástico tiro no próprio pé. Quando vemos documentos de fonte primária, sabemos que estamos diante de um fato cujas provas são insofismáveis. Mesmo assim, os cristãos preferem acreditar na retórica do vendedor de ilusões ao invés de crerem nos próprios olhos. A esta altura, a fé já está combalida. Tudo ao redor mostra que o mundo está caindo, mas continuam afirmando que é só um ventinho passageiro. Quando são informados que trata-se de engenharia social muito bem delineada e levada a cabo diuturnamente, dizem que é teoria da conspiração. Esquecem-se também que o Espírito inspirou Paulo, dizendo: A esse cuja vinda é segundo a eficácia de Satanás, com todo o poder, e sinais e prodígios de mentira, e com todo o engano da injustiça para os que perecem, porque não receberam o amor da verdade para se salvarem. E por isso Deus lhes enviará a operação do erro, para que creiam a mentira; para que sejam julgados todos os que não creram a verdade, antes tiveram prazer na iniqüidade.(2Ts.2:9 a 12).

(cont.1)

Responder
avatar
31/10/10 04:03 delete

Para Consertando??? Sobre o texto,é nitidamente a favor do Serra.

Infelizmente só vejo esta saída. Existem 2 tipos de socialistas: radicais (PT, PSol, PSTU, PCB) e fabianos (PSDB, DEM). Fabianos são ligados aos globalistas. Socialistas são ligados aos revolucionários radicais, que são sustentados pelos globalistas. Em suma: todos estão comprometidos com os mesmos e têm os mesmos ideais. O PT é radical, ligado aos genocidas revolucionários: Ahmadinejad, FARC, Cháves, Correa, Mujica, Fidel.
Por quê Serra? O PSDB não é ligado a nenhum movimento armado nem pretende implantar o PNDH-3 imediatamente (embora pretenda a longo prazo, como é dos fabianos). Quebrar a crista do PT é importante para não se perpetuar no poder, como fez Chavez. Temos algo melhor? Não. Aborto é uma vírgula importante.
Por quê Lula encheu as burras dos banqueiros internacionais? Pelos mesmos motivos que o PSDB o fez: retorno da ajuda. Esse monstro é muito maior do que se vê: é a 1a besta que sai do mar (agitação política). A 2a é espiritual.
Leia "A verdadeira história do Clube de Bilderberg" de Daniel Stulin. São 30 anos de pesquisa séria. Leia sentada. Pegue sua Bíblia e compare os planos deles com as profecias. Repito: leia sentada.
(cont. 1 Giselle Nichols)

Responder
avatar
31/10/10 04:06 delete

(cont.1 Giselle Nichols)
Hoje está assim: se não é socialista acaba sendo globalista. De qualquer forma colabora com os mesmos planos. Por isso temos que ser firmes em nossas posições de fé e sempre falar contra o mal.
Quanto aos pastores, têm sim o dever de informar para que o povo não seja destruído: ai do profeta que se cala diante do mal! Diz Oséias 4:6-9 - O meu povo foi destruído, porque lhe faltou o conhecimento; porque tu rejeitaste o conhecimento, também eu te rejeitarei, para que não sejas sacerdote diante de mim; e, visto que te esqueceste da lei do teu Deus, também eu me esquecerei de teus filhos. Como eles se multiplicaram, assim pecaram contra mim; eu mudarei a sua honra em vergonha. Comem da oferta pelo pecado do meu povo, e pela transgressão dele têm desejo ardente. Por isso, como é o povo, assim será o sacerdote; e castigá-lo-ei segundo os seus caminhos, e dar-lhe-ei a recompensa das suas obras.

O inimigo não deixa de ser inimigo porque falamos do reino puro. Temos que resistí-lo para que fuja de nós. O bom profeta sempre parece um chato que só fala coisas ruins. Veja Jr.23.

Responder
avatar
31/10/10 04:38 delete

MAC disse: Só por curiosidade, você é pré-milenista?

Sim, pela ordem: sou pós-tribulacionista e pré-milenista. Não era mas, estudando a Palavra, mudei.
Entendo que a igreja passará pela tribulação, exceto Filadélfia, que será escondida cf.Ap 3 e 12.
As profecias estão se cumprindo hoje, depois que Israel voltou à sua terra. Jeremias 23 é parte do nosso tempo. A tão temida Nova Era é realmente a nova era da enganação. Nâo sei quando começará a Grande Trib., mas vejo as pedras se movendo para que o iníquo apareça. O Senhor ainda não permitiu, mas se a apostasia aumentar, ele virá rapidamente. Tudo depende do nível de engano em que a população está envolvida - principalmente os cristãos.
Primeiro vem a apostasia; depois, o iníquo. Os juízos começam pela casa de Deus.
Relembro Abraão dialogando com Deus sobre a destruição de Sodoma e Gomorra: Se existirem ali 10 justos, não destruirei.
Se o número de fiéis cair e o de apóstatas aumentar, o iníquo aparece e o juízo vem. O engano é a chave para compreendermos nosso tempo. Olhar tudo pela lente da Palavra é a nossa segurança. Mas temos que olhar sem qualquer ideal ou viés político: o que é, é.

Veja também este site:
www.projetoomega.com
Concordo com o que escrevem ali, exceto algumas poucas opiniões pessoais do autor quanto aos fatos presentes. Vejo-os, tmbm, como preparação para o surgimento do iníquo, mas com algumas pequenas restrições.

Abs.

Responder
avatar
31/10/10 04:58 delete

Hamilton disse: Consertando Fusca
Muito oportuna essa citação da carta de Fidel para Hugo Chavez. Parabéns!


Obrigado, Hamilton. Quem conhece essa gente sabe do que são capazes. Conheci alguns e quase fui um deles, mas o Senhor me livrou disso. É uma patologia, algo maligno mesmo, o modo como pensam.
Para Marx o futuro é certo: tudo converge para o comunismo. Mas a realidade não se encaixa no modelo. Então, ele sugere que se mude a realidade através da revolução; mudam a história para que sirva no molde.
Veja que interessante. A Bíblia nos mostra 3 fases:
- Criação - origem
- Queda - surgimento de um problema
- Redenção - solução do problema.

Todas as coisas feitas pelos homens, principalmente música e literatura passam por essas fases. Quando algo muda, os homens não entendem.
Na Música:
Criação - tom principal
Queda - Variação que cria tensões
Redenção - retorno ao tom principal, descanso.

Na literatura:
Criação: personagens vivendo bem
Queda: surgimento de um conflito
Redenção: um herói, alguém, que soluciona até perdendo a vida.
Agora, veja Karl Marx:
Criação - o homem evoluiu
Queda - surgimento da propriedade privada (devido à cultura judaico-cristã)
Redenção - revolução, destruição da propriedade privada.

Usando o mesmo molde, o comunismo se encaixa na mente com facilidade e torna-se a religião pagã. Por isso a Teologia da Libertação tem enganado tantos cristãos. Em suma: tudo é ferramenta para o engano e se parece com a Verdade revelada. Desde o Éden é assim.

Abs.

Responder
avatar
1/11/10 04:36 delete

(cont.1)
Ora, algo está errado e não é a Escritura. O engano está patente e não podemos estar ao lado dele de forma alguma. É difícil observá-lo, principalmente quando todos os lugares o ocultam e só revelam a base do sofisma, que é verdadeira (ex: precisamos ajudar os necessitados). Nunca podemos entrar em consenso com o inimigo, ainda que ele repita um trecho das Escrituras. Ele fez o mesmo com Cristo e deu-se mal. Sim, temos que fazê-lo dar-se mal igualmente, não lhe dando ouvidos nem concordando com ele, por mais angelicais que pareçam suas verdades: ele se transforma em anjo de luz, lembrem-se disto.
Eu nunca vi um profeta de Deus dizendo> Eu acho que Deus não gosta disso... O livro de Isaías está repleto de admoestações sobre a falsidade do povo e dos sacerdotes. Enganavam, enganavam e enganavam em nome de Deus. Os juizos vieram, porque Deus não admite zombaria com seu nome. Hoje a igreja cristã está zombando do nome de Deus admitindo falsas doutrinas como sendo inspiradas pelo Espírito. A Teologia da Libertação é a cartilha satânica-leninista que tem destruído a respeitabilidade cristã de dentro para fora. Isso só é notado por quem não tomou a forma deste século, mas são chamados fundamentalistas, teóricos da conspiração. Pessoas de fala mansa, gestos adocidados, meu querido aqui, minha querida ali, têm ensinado o engano e os cristãos os consideram autoridades espirituais. Diz Paulo: Todos os que querem mostrar boa aparência na carne, esses vos obrigam a circuncidar-vos, somente para não serem perseguidos por causa da cruz de Cristo. Porque nem ainda esses mesmos que se circuncidam guardam a lei, mas querem que vos circuncideis, para se gloriarem na vossa carne.
É exatamente isso o que fazem: gloriam-se na carne dos fracos, exercem autoridade sobre eles e os conduzem ao engano. Não há meio termo: estamos de um lado ou de outro. Numa coisa tenho que concordar com Baby do Brasil: No céu só entra casca-grossa.
(fim)

Responder
avatar
1/11/10 04:52 delete

Srs., Dilma venceu a eleição. O discurso de vencedora foi bonito, positivo, mas só darei a mão à palmatória depois de ver tudo aquilo cumprido à risca.
José Serra, o Homer Simpson tupiniquim, perdeu a eleição por culpa dele mesmo, seu pior inimigo. Não confio nele tampouco, principalmente depois da lei antifumo. Muitos cristãos lerão isso e se arrepiarão, mas a tal lei só demonstrou que Serra é tão ou mais autoritário do que Lula. A lei invade a liberdade individual e a propriedade privada, tirando o direito de escolha do cidadão e o direito de pleno uso e fruição de seus bens.
Estamos diante de um vazio ou da continuidade do preenchimento já conhecido pelas doutrinas que o partido vencedor defende.
O máximo que podemos fazer é orar pedindo a Deus que não se esqueça de Seu povo aqui, neste país.
Creio que Deus sempre está no comando e que esse resultado não altera uma só vírgula dos planos de Deus. Pode ser uma bênção ou um juízo que, de qualquer forma, ensinará ao povo a observar a realidade, não correr atrás de ventos de doutrina nem tampouco se fiar em homens e, pelas próprias mãos, construir o país nos moldes que Deus estabeleceu para os homens até a volta do Senhor. E se este, ou qualquer outro governo, se desviar dos objetivos de Deus, que sejamos corajosos o suficiente para não entrarmos em consenso com o maligno, aceitando o engano como virtude, pois os covardes não entrarão em Seu reino.
Que o Senhor abençoe seu povo e nos livre do mal.

Responder
avatar
Crítico
AUTOR
1/11/10 18:02 delete

Prezados, existe uma explicação muito simples para a vitória de Dilma Roussef nas eleições: como diria o grande ex-presidente norte-americano Bill Clinton, "foi a economia, estúpidos"!

Responder
avatar
Aprendiz
AUTOR
5/11/10 12:59 delete

Marcelo

Explique-me como essas empresas poderiam ser vendidas melhor, se não havia impedimento para entrada de concorrentes. Centenas de grupos do mundo inteiro poderiam ter entrado, mas poucos entraram.

Melhor, explico eu: Quem tem idade para lembrar sabe... O pt aterrorizava os investidores internacionais, ameaçando com todo tipo de estripulias quando chegasse ao poder. Disso resultava juro alto, pouca entrada de investimento e baixos preços das vendas das estatais. Hoje os próprios petistas admitem que a entrada de investimentos nas empresas privatizadas foi fabulosa, e que de forma alguma as estatizariam novamente. O que o governo ganha de impostos com elas hoje, é muito superior ao que era o lucro no passado.

Mas qual foi o efeito do terrorismo do pt? o Brasil perdeu talvez centenas de bilhões de dólares, por que o pt se preocupava só em ganhar o poder, prejudicar terrivelmente a economia do Brasil por quase uma década não tinha problema.

Tão logo foi eleito, lula disse que ele "fazia bravata". A custa do nosso dinheiro...

Num pais decente, os petistas teriam de pagar do bolso o prejuizo. Certamente não conseguiriam, mas ficariam todos pobres...

Responder
avatar